Porto Alegre, quinta-feira, 20 de janeiro de 2022.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
19°C
15°C
7°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 5,5230 5,5250 1,61%
Turismo/SP 4,7300 5,8120 0,44%
Paralelo/SP 4,7400 5,6700 0%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE  
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
261498
Repita o código
neste campo
 
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
261498
Repita o código
neste campo
 
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
261498
Repita o código
neste campo
 
 
imprimir IMPRIMIR

Copa 2014 03/12/2010 - 19h02min

Suspenso pagamento da duplicação da Beira-Rio

Guilherme Santos/PMPA/JC
Executivo tem até trinta dias após a notificação para apresentar recuros
Executivo tem até trinta dias após a notificação para apresentar recuros

O conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Algir Lorenzon, emitiu uma medida cautelar determinando que o Executivo Municipal de Porto Alegre se abstenha de realizar a liquidação da despesa e de transporte e fornecimento de pedra brita para pavimentação dos trechos 1 e 2 da Avenida Beira Rio, na capital.

Lorenzon afirmou que os valores chamaram a atenção durante a última inspeção e lembrou que o TCE fiscaliza a execução de todas as obras para o evento de 2014. De acordo com a inspeção especial realizada, o valor exercido pela Administração Municipal é 79,40% superior ao da planilha orçamentária, o que totaliza um sobrepreço de R$ 517 mil.

A medida cautelar foi solicitada pela Direção de Controle e Fiscalização do TCE, a fim de resguardar os cofres públicos. O executivo municipal tem até trinta dias após a notificação para se manifestar sobre o caso.

COMENTÁRIOS
Sergio - 04/12/2010 - 07h53
Parabens,TCE, é mais facil matar o mal pela raiz, não deixando ele crescer. Agora falta descobrir para qual bolso iria a diferença dos valores.

imprimir IMPRIMIR
TEXTOS RELACIONADOS
Urbano Schmitt (e) e Jaques Alfonsin (d) divergem sobre imagem deixada
Receptividade e obras de mobilidade foram destaques positivos da Copa
Concepção e implementação do Caminho do Gol, que recebeu 215 mil pessoas, envolveu 20 secretarias
Capital ganhou experiência na realização de eventos
Caron revela que a Polícia Federal gaúcha conteve 41 barra-bravas
Balanço da PF aponta entrada de 101,4 mil estrangeiros no Rio Grande do Sul
Copa trouxe 101,4 mil estrangeiros ao Estado, revela Polícia Federal
Visitantes chegaram pelos postos de controle das fronteiras terrestres com o Uruguai e Argentina e pelo Aeroporto Salgado Filho