Porto Alegre, quinta-feira, 20 de fevereiro de 2020.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
29°C
28°C
19°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 4,3910 4,3930 0,64%
Turismo/SP 4,3200 4,6100 0,43%
Paralelo/SP 4,3300 4,6000 0,43%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE  
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
107270
Repita o código
neste campo
 
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
107270
Repita o código
neste campo
 
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
107270
Repita o código
neste campo
 
 
imprimir IMPRIMIR
Mercado Digital Patrícia Knebel
patricia.knebel@jornaldocomercio.com.br

Mercado Digital

Coluna publicada em 03/09/2015

Mais perto das universidades

O SAP Labs América Latina, com sede em São Leopoldo, quer estreitar as conexões com as universidades gaúchas. Uma diretriz que tem como grande entusiasta o próprio presidente do laboratório, Dennison John, nomeado em março pela SAP para ocupar essa função. "Temos grandes talentos nas instituições de ensino locais e estamos explorando novas possibilidades de colaboração em projetos de coinovação com a Ufrgs e a Pucrs", exemplifica. Perguntando se os profissionais do SAP Labs atuarão dentro da estrutura destas universidades, ele responde que "ainda não", deixando em aberto a possibilidade dessa parceria ganhar contornos mais sérios em breve, especialmente com o Tecnopuc, parque tecnológico muito elogiado pelo executivo. Já sobre a relação com o Tecnosinos, ele comenta que só está crescendo. "Lá é como se fosse a nossa família, é onde moramos", exemplifica. Atualmente, cerca de 650 profissionais atuam no parque de São Leopoldo, número que deve aumentar entre 5% e 10% até o final do ano. John e sua equipe também estão trabalhando para se aproximar mais das escolas, com o objetivo de realizar projetos que incentivem a inovação por parte dos jovens. "Nesse ambiente escolar costumamos encontrar sonhos e ideias fantásticas", diz, destacando que em breve o SAP Labs deverá anunciar algumas parcerias nesse sentido.

4G

Com a ativação de sua rede 4G em mais 12 cidades de cinco estados brasileiros, a Telefônica Vivo completou 152 municípios brasileiros onde a tecnologia já está disponível. No Rio Grande do Sul são 15 localidades, sendo Pelotas a mais recente delas.

Social Business

A IBM tem um novo gerente de vendas para Social Business. Com 18 anos de experiência no mercado de TI, Adriano Coletta assume com a missão de expandir os negócios de colaboração, redes sociais, canais digitais e gestão e desenvolvimento do capital humano nos três estados. Ele ficará sediado em Curitiba.

Agenda escola virtual

ZELO CONSULTORIA/DIVULGAÇÃO/JC


A tradicional agenda usada para mostrar aos pais como foi o dia dos filhos na escola está ganhando uma versão virtual. Criado pela Zelo Consultoria, o Zelando promete modernizar a comunicação entre a família e educadores. Entre os benefícios para os pais está o fato de passarem a ter informação em tempo real, o que pode criar uma maior proximidade com a rotina dos filhos. Por meio do mural de recados, a escola pode enviar um único recado para diversos pais ou mensagens específicas. O aplicativo é gratuito até o final de 2015 e pode ser acessado por computadores, tablets ou smartphones.

E-mail, voz e romantismo

E-mail e chat de texto são recursos pobres para comunicar emoção? Não é o que aponta um estudo realizado pela Universidade de Indiana, nos Estados Unidos, realizado com 72 universitários, que revelou que, em plena era digital, enviar um e-mail pode ser mais eficaz para uma pessoa expressar os seus sentimentos românticos por alguém do que uma mensagem de correio de voz. Os resultados mostraram que as pessoas que enviaram e-mails românticos conseguiram usar uma linguagem mais forte e envolvente do que aqueles que optaram por mensagens de voz. "Ao escrever e-mails românticos, os remetentes consciente ou inconscientemente, adicionam conteúdo mais positivo para as suas mensagens, talvez para compensar a incapacidade do meio para transmitir tom vocal", comenta Alan R. Dennis, co-autor do estudo.

COMENTÁRIOS
Nenhum comentário encontrado.

imprimir IMPRIMIR
COLUNAS ANTERIORES
Parceria de peso
Esse é um dos maiores negócios fechados pela Dinamize
Sorte do dia
Parques e polos tecnológicos, incubadoras e projetos voltados para a indústria criativa poderão se candidatar a recursos de pouco mais de R$ 14 milhões para investir em ampliação ou modernização das suas estruturas
Nada de (tão) novo no front
Nenhuma grande mudança de design ou nova tecnologia capaz de provocar alvoroço entre especialistas e adoradores da Apple
TI brasileira se protege pouco
Já diz o ditado popular: é melhor prevenir do que remediar