Porto Alegre, segunda-feira, 16 de setembro de 2019.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
17°C
23°C
9°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 4,0880 4,0900 0,04%
Turismo/SP 4,0400 4,2800 0,94%
Paralelo/SP 4,0500 4,2900 0,94%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE  
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
190136
Repita o código
neste campo
 
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
190136
Repita o código
neste campo
 
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
190136
Repita o código
neste campo
 
 
imprimir IMPRIMIR

PREFEITURA DE PORTO ALEGRE Notícia da edição impressa de 13/05/2015

Capital ganha plataforma para reclamações on-line

Colab permite que problemas sejam compartilhados em outras redes

Suzy Scarton

FREDY VIEIRA/JC
Pandolfi diz que Capital tem como evitar o mau uso da rede social
Pandolfi diz que Capital tem como evitar o mau uso da rede social

A prefeitura de Porto Alegre apresentou, na manhã de ontem, uma ferramenta de integração entre a população e o município. A rede social Colab é uma plataforma on-line que permite que o cidadão poste fotos para denunciar problemas de infraestrutura, trânsito, saneamento e outras reclamações que se encaixem nas 13 categorias disponíveis na rede. O sistema é gratuito e chega à Capital para complementar o serviço oferecido pelo telefone 156, o Fala Porto Alegre.

Para o prefeito José Fortunati, o diferencial do Colab é que, além das denúncias, os cidadãos são encorajados a dar sugestões e avaliar os serviços realizados pela prefeitura. "A ideia é que a população participe mais da vida da cidade", comentou.

Com uma interface interativa e dinâmica, a rede social, que pode ser acessada pelo site www.colab.re ou pelo aplicativo para iOS e Android, disponível nas lojas virtuais, viabiliza o acesso transparente a todas as informações postadas pelos participantes e também pelo município. As publicações não podem ser anônimas e, por enquanto, é preciso possuir um cadastro na rede social Facebook para acessar o Colab. Em breve, será possível se registrar através do número do CPF ou por e-mail. Apenas ontem, foram feitos 200 cadastros na plataforma.

A partir disso, a informação gerada pelo cidadão fica à disposição de todos os usuários, que poderão também curtir e compartilhar em outras redes sociais. Do outro lado, uma equipe da prefeitura estará conectada ao painel de monitoramento do Colab.re, para acompanhar em tempo real as demandas geradas e respondê-las de forma personalizada. As postagens contêm foto, local do fato, link gerado pela rede social, bem como comentários e curtidas dos seguidores, o que facilita a identificação desses casos. As demandas serão encaminhadas ao órgão responsável, que informará aos cidadãos sobre a solução para cada caso. O usuário receberá um alerta no celular quando a demanda for resolvida.

Cerca de 2 mil ligações são feitas diariamente para o telefone 156. Com a adição do Colab, o número de demandas registradas vai aumentar, mas não serão necessárias contratações de funcionários. "O pessoal que trabalha no 156 já está capacitado a lidar com o Colab. Agora, precisamos desenvolver o atendimento de ponta para garantir que nossas secretarias e serviços como a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) e o Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU) possam atender a essas demandas", explicou o prefeito. Mesmo assim, o uso da plataforma não garante a agilidade no atendimento às reclamações. "Temos limitações financeiras e de recursos humanos", justificou.

O Colab foi elaborado em 2012. Atualmente, está presente em 70 cidades brasileiras, além de órgãos como a Secretaria de Aviação Civil  e o Incra. "A rede possui uma curadoria que monitora as publicações para evitar o mau uso por parte dos usuários, mas o mais importante é a ponte que realiza entre cidadãos e prefeituras", explica o cofundador da plataforma, Paulo Pandolfi. A ferramenta foi eleita um dos melhores aplicativos de governo do mundo pela Organização das Nações Unidas (ONU) e o melhor aplicativo urbano do mundo pela fundação franco-suíça New Cities, dedicada a soluções urbanas.

COMENTÁRIOS
Nenhum comentário encontrado.

imprimir IMPRIMIR
TEXTOS RELACIONADOS
Prefeitura sanciona o projeto de lei que reordena a Fasc
Projeto prevê a criação de 655 cargos de provimento efetivo da Fundação, a extinção de 37 funções gratificadas e a criação de 131 FGs
Projeto do Gasômetro
Parque do Gasômetro está atrasado
Prefeito entrega Lei de Diretrizes Orçamentárias ao Legislativo
A LDO contém as prioridades apontadas pelas assembleias do Orçamento Participativo e metas da administração
Cezar Busatto ressalta  sucesso na captação de parceiros para o projeto
Prefeitura presta contas sobre o programa de carrinheiros e carroceiros