Porto Alegre, domingo, 27 de setembro de 2020.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
15°C
28°C
15°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 5,5230 5,5250 1,61%
Turismo/SP 4,7300 5,8120 0,44%
Paralelo/SP 4,7400 5,6700 0%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE  
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
405483
Repita o código
neste campo
 
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
405483
Repita o código
neste campo
 
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
405483
Repita o código
neste campo
 
 
imprimir IMPRIMIR

Campeonato Gaúcho 03/05/2015 - 18h08min

Inter bate o Grêmio por 2 a 1 e é pentacampeão gaúcho

ALEXANDRE LOPS/INTER/DIVULGAÇÃO/JC
De atuação destacada no jogo, Valdívia marcou o segundo gol do Inter
De atuação destacada no jogo, Valdívia marcou o segundo gol do Inter

O campeão gaúcho de 2015 – pelo quinto ano consecutivo – é o Inter. Com um primeiro tempo impecável, o time do técnico Diego Aguirre bateu o Grêmio por 2 a 1 na tarde deste domingo (3) no Estádio Beira-Rio, vencendo o Grenal 406 e conquistando seu primeiro título da temporada. No jogo de ida da decisão, realizado na semana passada, na Arena, a partida havia terminada empatada em 0 a 0.

O colorado fez um primeiro tempo quase perfeito, acertando a marcação e partindo com velocidade sempre que roubava a bola. O primeiro gol veio em um contra-ataque fulminante aos 7 minutos de jogo. D'Alessandro lançou Nilmar, que tocou para Valdívia dentro da área. O meia, de atuação destacada na partida, avançou driblando a zaga gremista e devolveu a bola para Nilmar, que marcou com um toquinho.

O Grêmio ficou nervoso em campo, mas parecia que daria o troco aos 18 minutos. Em lance de bola parada, Fellipe Bastos acertou a trave de Allison. Mas o que se seguiu ao lance foi o início de um pesadelo para o tricolor. Na sequência do lance, Fellipe Bastos recuou mal a bola e deu de presente a jogada do segundo gol do Inter: Nilmar avançou pelo meio campo, driblou o último jogador na marcação e lançou Valdívia, que ampliou com tranquilidade.

O gol desestruturou o time de Felipão e por pouco o Inter não ensaiou uma goleada. Aos 24 minutos, Valdívia chutou de fora da área – a bola passou rente à trave de Marcelo Grohe. Abalado em campo e já com um cartão amarelo, Fellipe Bastos - destaque na primeira partida da decisão - foi sacado por Felipão aos 28 minutos.

No final do primeiro tempo, um lance isolado fez renascer a esperança gremista. Giuliano, no rebote de um cruzamento para a área, marcou o gol de honra tricolor.

Na segunda etapa, o Grêmio tomou mais iniciativa da partida – bastava um gol, porque o empate com gols daria o título para o time visitante. Sem Nilmar, que saiu de campo com um desconforto muscular, o Inter também desacelerou. O Grêmio avançava em busca do empate, mas não conseguia organizar de forma mais efetiva as jogadas de ataque.

Aos 43, o gremista Rhodolfo foi expulso sem receber cartão amarelo. O zagueiro fez uma falta violenta em Eduardo Sasha para barrar um contra-ataque. Com um a menos, as chances do Grêmio se reduziram ainda mais. Aos 50 minutos, o juiz Leandro Vuaden apitou o fim da partida. O placar de 2 a 1 consagrou o Inter, que garante assim o pentacampeonato gaúcho.

No final da partida, parte da torcida do Grêmio quebrou cadeiras do estádio Beira-Rio e as lançou contra torcedores do Inter. Uma bomba caseira chegou a ser atirada pelos gremistas, mas a polícia controlou logo depois a situação. Com reportagem do Estadão Conteúdo.

Inter 2 x 1 Grêmio
Alisson; William, Ernando, Alan Costa, Geferson (Alan Ruschel); Rodrigo Dourado, Aránguiz, D'Alessandro (Alex) e Valdívia; Eduardo Sasha e Nilmar (Lisandro López).
Técnico: Diego Aguirre.
Marcelo Grohe; Matías , Rhodolfo, Erazo, M. Oliveira; Fellipe Bastos (Wallace), Maicon, Giuliano, Douglas (Everton); Luan e Braian Rodriguez (Yuri Mamute).
Técnico: Luiz Felipe Scolari.
Árbitro: Leandro Vuaden.
COMENTÁRIOS
Nenhum comentário encontrado.

imprimir IMPRIMIR
TEXTOS RELACIONADOS
Primeiro tempo arrasador garantiu a conquista dos donos da casa
Pentacampeão, Inter mantém o Estado pintado de vermelho
Final do Gauchão terá Caminho do Gol em Porto Alegre
Concentração da torcida mista, desta vez, será no Parque Marinha do Brasil, na Praça das Armas, com espaço ampliado
Grenal 406 terá torcida mista no Beira-Rio
Inter e Grêmio se enfrentam neste domingo para decidir o Gauchão 2015
Felipão abre parte de treino, mas reforça dúvidas para a decisão
Nenhum dos jogadores que são dúvida na escalação para a decisão estavam em campo em treino aberto