Porto Alegre, quinta-feira, 29 de outubro de 2020.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
19°C
15°C
7°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 5,5230 5,5250 1,61%
Turismo/SP 4,7300 5,8120 0,44%
Paralelo/SP 4,7400 5,6700 0%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE  
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
541402
Repita o código
neste campo
 
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
541402
Repita o código
neste campo
 
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
541402
Repita o código
neste campo
 
 
imprimir IMPRIMIR

Religião 18/02/2015 - 19h20min

Vaticano recebe católicos gays em audiência com Francisco

O Vaticano fez algo sem precedentes nesta quarta-feira ao dar a um grupo de lésbicas e gays católicos assentos especiais na audiência geral semanal com o papa Francisco.

Porém, em um sinal que a recepção não era total, os peregrinos do ministério New Ways foram identificados na lista de assistentes como um "grupo de laicos acompanhados por uma freira de Loreto".

E nem sequer foram anunciados: quando o monsenhor a cargo da cerimônia leu a lista dos diferentes grupos de peregrinos presentes na Praça de São Pedro, não foi mencionado o New Ways. Tampouco o papa Francisco os citou.

Apesar disso, os representantes da New Ways se mostraram satisfeitos de terem sido convidados para se sentar à frente da audiência pelo monsenhor Georg Gaenswein, o prefeito da Casa Pontifícia, que entrega os cobiçados bilhetes reservados para as audiências com Francisco.

Durante anos, Gaenswein foi o principal assistente do papa emérito Bento XVI. Quando Bento dirigia a Congregação para a Doutrina da Fé, proibiu permanentemente os fundadores do Ministério New Ways, a freira Jeannine Gramick e o padre Robert Nugent, de celebrar para gays depois de determinar, em 1999, que não eles não haviam absorvido suficientemente os ensinamentos da Igreja sobre o "mal intrínseco" dos atos homossexuais.

Nugent, que morreu no ano passado, obedeceu a diretiva. Gramick, no entanto, continuou seu ministério e mudou para a ordem religiosa Irmãs de Loreto, e na quarta-feira estava presente na audiência.

"O papa Francisco me dá esperanças", disse Gramick à Associated Press. "Para mim, é um exemplo da classe de sacerdotes que procuram dar apoio aos que estão alijados do centro de poder na Igreja."

O diretor executivo do grupo, Francis DeBernardo, disse que o New Ways já havia tentado sem sucesso obter assentos exclusivos para os seus peregrinos que viajam a Roma.

COMENTÁRIOS
Nenhum comentário encontrado.

imprimir IMPRIMIR
TEXTOS RELACIONADOS
Igreja armênia canoniza 1,5 milhões de almas vítimas do genocídio
O genocídio é reconhecido por cerca de 40 países, mas negado por dezenas de outros, incluindo a Turquia
Centenas de católicos comemoram Paixão de Cristo em Jerusalém
Eles repetiram os últimos metros de Jesus antes da crucificação
Igreja anglicana nomeia primeira mulher para cargo de bispo
Libby Lane foi anunciada como bispo da Igreja nesta quarta-feira
Vaticano propõe aproximação com gays
Em texto publicado hoje, Vaticano diz que os "homossexuais têm dons e qualidades para oferecer à comunidade católica"