Porto Alegre, sábado, 27 de novembro de 2021.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
19°C
15°C
7°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 5,5230 5,5250 1,61%
Turismo/SP 4,7300 5,8120 0,44%
Paralelo/SP 4,7400 5,6700 0%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE  
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
160037
Repita o código
neste campo
 
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
160037
Repita o código
neste campo
 
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
160037
Repita o código
neste campo
 
 
imprimir IMPRIMIR

TURISMO Notícia da edição impressa de 21/11/2013

Voos para Miami têm 75% de ocupação até fevereiro

American Airlines inaugura rota nesta sexta-feira com 100% de lotação

Adriana Lampert

MARCO QUINTANA/JC
Verçosa festeja ocupação de 75% nos voos para Miami até fevereiro
Verçosa festeja ocupação de 75% nos voos para Miami até fevereiro

O primeiro voo direto de Porto Alegre para Miami, previsto para ocorrer amanhã, deve partir com todas as 212 poltronas da aeronave Boeing 767-300 ocupadas, informou ontem o diretor da American Airlines Brasil, Dilson Verçosa Júnior. A procura por passagens para a viagem inaugural da rota superou as expectativas da companhia, segundo o executivo, que palestrou durante a reunião-almoço Tá na Mesa, na Federasul.

“Dificilmente os voos inaugurais decolam com avião lotado”, comentou Verçosa Júnior, ao destacar que, de todas as nove cidades onde a companhia entrou com operação de voo no Brasil desde 1990, Porto Alegre foi proporcionalmente a que registrou maior procura para o serviço. “Tanto é que tivemos que cancelar os convites que pretendíamos enviar dentro da ação de lançamento da rota no Estado e modificar as vendas, inicialmente feitas no sistema de reservas e com tarifa promocional em agosto passado”, observou.  Segundo o executivo, a média de preço de passagens da rota deve girar em torno de US$ 1,1 mil na alta temporada.

Nem mesmo iniciou a operação que prevê aviões partindo para Miami diariamente, às 12h, do terminal 1 do Aeroporto Internacional Salgado Filho, e a American Airlines já conta com 75% de ocupação na maioria dos voos até fevereiro. Esta média chega a superar um pouco a das demais cidades onde a companhia atua no Brasil. Verçosa Júnior destaca que essa demanda deve aumentar na alta temporada, do dia 15 de dezembro até o início de março.  O voo direto para Miami partirá sempre às 12h20min, com chegada prevista para 18h, o que ainda garante a possibilidade de conexões para diversas cidades dentro dos Estados Unidos.

A aeronave que levará a primeira tripulação da rota ao destino norte-americano parte de Miami no dia 21, às 23h, com escala em Curitiba às 7h50min do dia 22, pousando às 10h30min na Capital. A previsão de chegada a Miami a partir de Porto Alegre é às 18h.

No Brasil, a American Airlines opera com 690 aeronaves, que somadas às da American Eagle, outro braço do grupo AMR (controlador da companhia), formam uma frota de quase 1 mil aviões. Quatro aeronaves de tamanhos diferentes suprem os serviços de acordo com o mercado. “Em Manaus, o Boeing 737-800 garante a viagem de 4,5 horas de duração até Miami. Em Brasília, Salvador e Recife, operamos com o Boeing 757, enquanto o Boeing 767-300 opera no Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba e, agora, em Porto Alegre. De São Paulo, as viagens são feitas com os Boeings 777-200 e 777-300”, enumera o diretor da companhia.

A expansão da empresa no País começou há cinco anos. Inicialmente operando no Rio de Janeiro e em São Paulo, a companhia viu a necessidade de implementar novas rotas, iniciando pelo Nordeste. Verçosa Júnior admite que a expansão ocorreu muito influenciada pelo fato de que era preciso investir fora das duas principais capitais do Sudeste, por conta que ambas não integraram flexibilização das frequências de voos a partir de cada destino, dentro dos acordos bilaterais entre Estados Unidos e Brasil a partir de 2009.

COMENTÁRIOS
Nenhum comentário encontrado.

imprimir IMPRIMIR
TEXTOS RELACIONADOS
Lemanski desembolsou R$ 3 mil em cursos de formação no Senac
Guias de turismo buscam maior valorização
Zorzanello valoriza a gastronomia como atração da Festuris
Turismo desperta para o potencial da gastronomia
Financiamento é opção para quem quer viajar
Para movimentar o turismo, governo federal articula linhas de crédito para pessoas físicas junto ao sistema financeiro
Apaixonado por viajar, Shimosakai criou a Turismo Adaptado, que oferece atendimento especializado
Acessibilidade ainda desafia o trade turístico