Porto Alegre, segunda-feira, 09 de dezembro de 2019.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
21°C
34°C
20°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 4,1440 4,1460 1,02%
Turismo/SP 4,1400 4,3900 0,85%
Paralelo/SP 4,1500 4,3800 0%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE  
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
655881
Repita o código
neste campo
 
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
655881
Repita o código
neste campo
 
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
655881
Repita o código
neste campo
 
 
imprimir IMPRIMIR

TECNOLOGIA Notícia da edição impressa de 09/01/2013

Vonpar e Panvel passarão a compartilhar seus data centers

Cada player irá ceder espaço para receber um conjunto de sistemas críticos do parceiro

Patricia Knebel

SUELLEN MACHADO/VONPAR/DIVULGAÇÃO/JC
Executivos assinaram acordo de cooperação previsto para começar efetivamente em 2014
Executivos assinaram acordo de cooperação previsto para começar efetivamente em 2014

Em um lance que tem tudo para ser inédito no País, a Panvel e a Vonpar assinaram um acordo de cooperação para compartilharem o uso dos seus data centers. O foco dessa parceria serão as soluções de contingência.

Isso significa que cada player irá ceder espaço para receber um conjunto de sistemas críticos do parceiro - exemplo do ERP, do nó de rede e do sistema de e-mails - que é o mínimo necessário para manter a operação funcionando em caso de algum incidente.

O CIO da Vonpar, Ricardo Nizoli, revela que, depois que a empresa finalizou a construção do seu data center próprio, decidiu que era preciso investir em uma estrutura de contingência que garantisse as operações básicas do negócio caso acontecesse algum sinistro.

As opções tradicionais para isso seriam construir um segundo data center ou fazer a locação de espaço em algum provedor de serviço. Foi então que surgiu a ideia dessa “contingência cruzada”, que ele compartilhou com o gerente de TI do Grupo Dimed/Panvel, Carlos Dottori. “Vimos que estávamos na mesma situação, ou seja, cada empresa tinha um data center próprio de alto padrão, precisávamos de uma estrutura adicional para alguma possível emergência e acreditávamos na ideia de que isso poderia ser feito dentro desse modelo”, diz Nizoli.

O projeto evoluiu, e um acordo assinado pelos executivos da Vonpar, Ricardo Vontobel, e da Panvel, Julio Mottin, sacramentou a iniciativa. “A boa relação que existe entre os presidentes das empresas e o fato de serem players de referência no mercado e com atributos éticos que as aproximam contribuíram para a concretização desse acordo”, observa Dottori.

O início da operação conjunta deve acontecer em 2014. Isso porque antes a Panvel precisa finalizar o seu data center, que faz parte de um projeto maior do novo centro de distribuição do grupo e da estrutura administrativa, que serão migrados para Eldorado do Sul.

Cada empresa reservará um espaço exclusivo no seu data center para o parceiro e ficará responsável pela monitoração de primeiro nível, gerando alertas em caso de algum problema no funcionamento dos equipamentos. As duas estruturas estarão conectadas através de link privado de alta velocidade. No entanto, somente a empresa detentora de suas próprias informações terá acesso ao ambiente de contingência, garantindo a confidencialidade de dados. “É uma troca de espaços e, praticamente, não existe custo adicional. Os mesmos profissionais que trabalham monitorando as nossas máquinas, agora terão algumas a mais para cuidar”, diz Nizoli. Dottori concorda. “Esse modelo desonera as empresas de terem que locar a estrutura de um terceiro e ainda permite que espaços que possivelmente ficariam ociosos sejam usados”, diz.

COMENTÁRIOS
Nenhum comentário encontrado.

imprimir IMPRIMIR
TEXTOS RELACIONADOS
Documentos foram assinados nesta quinta-feira por José Ivo Sartori
Rio Grande do Sul lança editais para parques e polos tecnológicos
Nanossatélite brasileiro entra em órbita e tem sinais captados no país
O artefato está em órbita a uma altitude de cerca de 400 quilômetros e funciona da forma prevista
Donos de aparelhos Apple já podem baixar sistema operacional iOS 9
A Apple liberou nesta quarta-feira (16) a nova versão do seu sistema operacional, o iOS 9, que já está disponível para os modelos mais recentes de iPhone, iPad e iPod Touch
Mark Zuckerberg anunciou que a empresa já está trabalhando na nova ferramenta
Facebook terá botão ‘não curti’, anuncia Mark Zuckerberg