Porto Alegre, terça-feira, 15 de outubro de 2019.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
14°C
24°C
16°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 4,1250 4,1270 0,75%
Turismo/SP 4,0900 4,3360 0,88%
Paralelo/SP 4,1000 4,3300 0,93%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE  
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
Repita o código
neste campo
 
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
Repita o código
neste campo
 
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
599929
Repita o código
neste campo
 
 

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e as edições
dos últimos
5 anos do JC.


 
para folhear | modo texto
 
imprimir IMPRIMIR

Notícia da edição impressa de 07/05/2013

Notas da história

Segunda Guerra

Durante a Segunda Guerra Mundial (1939-1945), o Consultor do Comércio foi proibido pelo Departamento de Imprensa e Propaganda (DIP) de divulgar a entrada e saída de mercadorias por navios, sob a alegação de que essas informações poderiam ser aproveitadas pela espionagem alemã.

TV Difusora


 ARQUIVO/JC

No final dos anos 1960, o Jornal do Comércio firmou uma parceria com a recém fundada TV Difusora, dos padres capuchinhos. Na foto, Delmar Jarros, Homero Guerreiro, Walter Lockmann, Walmor Bergesch, Jenor Jarros, José Salimen Junior, Paulo Poli e Marco Antonio Birnfeld.

Outros veículos

Além do Jornal do Comércio, a Cia. Jornalística JC Jarros manteve por alguns anos outros veículos de comunicação. É o caso da Rádio Princesa, que teve relativo sucesso - nos anos 1980, chegou a atrair 15 mil pessoas para a comemoração de seu aniversário no Gigantinho. Além da emissora na Capital, a empresa ainda tinha outras duas, uma em Candelária e outra em Cachoeira do Sul. E ainda publicou o jornal Balcão, um projeto inovador para a época, dedicado exclusivamente à publicação de anúncios classificados.

RP do jornal

Antes de retornar à empresa, em função da morte do marido Jenor Cardoso Jarros, Zaida Jarros tinha forte atuação em diversas instituições. Manteve essa característica e aproveitou-a para divulgar o JC entre diversos públicos. Além de presidente, era uma verdadeira relações públicas do jornal.

Primeira mulher

Tania Barreiro foi a primeira jornalista a integrar a redação do Jornal do Comércio. Recém-formada, ela ingressou no diário e abriu o caminho para outras profissionais. Logo, Ruth Martins entrou para fazer a coluna social e, já na década de 1970, Ana Amélia Lemos, que hoje é senadora, começou cobrindo mercado de capitais para o JC. Atualmente, as mulheres são maioria entre os 80 jornalistas da redação do Jornal do Comércio.

Solidário

A solidariedade marcou as trajetórias de Jenor Cardoso Jarros e Zaida Jarros. Inclusive com outros jornais. Foi o que aconteceu nos anos 1970, quando o nível do arroio Dilúvio subiu após uma chuvarada e o parque gráfico da Zero Hora foi inundado. O vizinho veio imprimir o jornal no JC. O colunista Danilo Ucha, que na época atuava em ZH, conta que vinha fechar o jornal depois que a equipe do Jornal do Comércio tinha finalizado sua edição.

1933

 JOÃO MATTOS/JC

“Nasci no mesmo ano do JC, em 1933”, conta Berta Stumpf, que atua no jornal desde 1978. Dona Berta tinha um comércio na vizinhança e Zaida Jarros era sua freguesa. Quando ela encerrou o seu negócio, foi falar com Dona Zaida, que a convidou para ser sua secretária, função que desempenhou por 18 anos. Segue em atividade no jornal.

Cadernos

Além dos 10 suplementos semanais, o Jornal do Comércio também vem ampliando os cadernos anuais. Alguns dos destaques são o Dia da Indústria, Expointer, Feira do Livro e Marcas de Quem Decide.

Site

O JC tem um portal na internet desde a década de 1990. Em 2009, entrou no ar o novo site (www.jornaldocomercio.com), com uma editoria de oito profissionais dedicados a apurar notícias e manter uma atualização online.

João Dib e o mimeógrafo

O ex-prefeito e ex-vereador de Porto Alegre João Dib conta que tinha poucos recursos nos tempos de estudante. E Jenor Cardoso Jarros o ajudou ao permitir que utilizasse o mimeógrafo do Consultor do Comércio para fazer cópias de material didático. De graça. Depois, Dib vendia o material aos colegas, o que lhe rendia um dinheirinho.

COMENTÁRIOS
Elói Vargas Serrano - 29/11/2013 - 15h09
Tive o privilégio de conviver, com todos os integrantes da foto! Saudades do querido JC!!!
imprimir IMPRIMIR