Porto Alegre, quarta-feira, 23 de outubro de 2019.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
21°C
27°C
16°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 4,0340 4,0360 0,98%
Turismo/SP 4,0280 4,2760 0%
Paralelo/SP 4,0500 4,2700 0%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE  
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
Repita o código
neste campo
 
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
Repita o código
neste campo
 
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
168322
Repita o código
neste campo
 
 

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e as edições
dos últimos
5 anos do JC.


 
para folhear | modo texto
 
imprimir IMPRIMIR

cultura/museus Notícia da edição impressa de 28/12/2012

MAC-RS deve ganhar sede própria

Michele Rolim

ANA PAULA APRATO/JC
Instituição irá funcionar no antigo prédio da Ulbra Saúde
Instituição irá funcionar no antigo prédio da Ulbra Saúde

Para 2013, a novela de duas décadas do Museu de Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul (MAC-RS) promete acabar. A instituição terá uma sede própria junto ao centro cultural do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRS), no prédio da rua Coronel Vicente que abrigou a Ulbra Saúde e, num passado mais distante, a loja de departamentos Mesbla.

Fundado pelo curador Gaudêncio Fidelis, em 1992, o museu nunca teve, de fato, uma sede própria, ocupando salas no Centro Cultural CEEE Erico Verissimo e, mais recentemente, na Casa de Cultura Mario Quintana, onde está atualmente.

A área expositiva prevista para ocupação do MAC-RS no edifício é de cerca de 1,6 mil metros quadrados. O museu ocupará parte da área de um centro cultural que o IFRS planeja criar no local, com valor estimado em R$ 3,5 milhões.

O projeto prevê galerias expositivas, biblioteca, cineclube e laboratório de conservação de papéis. O IFRS também deve oferecer diversos cursos técnicos afins com as atividades culturais e pretende desenvolver um curso técnico na área da museologia.

A data prevista de inauguração é dia 10 de novembro de 2013. Na ocasião, deve ocorrer a abertura da exposição MAC 21, que irá exibir o novo acervo do museu com obras adquiridas pelo Prêmio Procultura de Incentivo às Artes Visuais Marcantonio Vilaça, da Funarte/Minc.

Nova Bienal a caminho

O ano promete ser intenso na área de artes visuais, já que Porto Alegre recebe a nona edição da Bienal do Mercosul. Com curadoria-geral da mexicana Sofía Hernández Chong Cuy, a proposta tem como base a interação entre natureza e cultura e os meios usados pelos artistas para lidar com fenômenos naturais em suas criações plásticas. A presidência da nona Bienal é de Patricia Fossati Druck.

Também serão temas o deslocamento social, o avanço tecnológico, o desenvolvimento do mundo e explorações no espaço e no tempo. Artistas convidados serão anunciados no ano que vem. A inauguração acontece dia 13 de setembro de 2013.

Estão previstas quatro exposições principais, que serão apresentadas em locais como a Fundação Iberê Camargo, Usina do Gasômetro, Museu de Arte do Rio Grande do Sul e o Santander Cultural. Cerca de 70 artistas de diversos países devem participar da mostra.

Margs planeja mostra sobre medicina

O carro-chefe do Museu de Artes do Rio Grande do Sul (Margs) em 2013 será uma exposição que aborda as relações entre arte e medicina, com curadoria de José Francisco Alves. O objetivo é oferecer uma versão ampliada e contemporânea do assunto.

Como tem sido recorrente nas mostras da instituição, esta exposição apresentará um significativo volume de obras do seu acervo, bem como a presença de peças de outras coleções museológicas (não somente obras de arte) e trabalhos de artistas convidados.

A iniciativa pretende focar em um arco histórico entre meados do século XIX e a contemporaneidade. O tema arte e medicina irá oferecer diferentes experiências ao público, passando por lições de anatomia, da abordagem da morte, dos estudos radiográficos da obra de arte, das mazelas da doença até a representação do corpo como um retrato da natureza material e espiritual do ser humano.

Além disso, no início de 2013, a instituição faz o lançamento de um grande catálogo com reproduções e informações de todas as 2.935 obras do Margs.

Diversidade de linguagens

Na Fundação Iberê Camargo, uma exposição do sul-africano multimídia William Kentridge promete movimentar o cenário da arte contemporânea no início de março.

Será a primeira mostra monográfica de grande porte dedicada à produção dele e reúne desenhos, esculturas, gravuras, teatro, ópera e filme. A curadoria será assinada por Lilian Tone, do MoMA de Nova Iorque.

No museu, também deve ocorrer uma retrospectiva do pintor, desenhista, ilustrador e professor Paulo Pasta, premiado artista brasileiro, que terá ao seu lado o curador Tadeu Chiareli e a gaúcha Elida Tessler, com curadoria de Gloria Ferreira. Élida é conhecida por entrelaçar palavras a objetos e colocá-los no espaço.

A fundação promete organizar ainda uma mostra de arte eletrônica integrada por  artistas nacionais, com curadoria da especialista no assunto Solange Farkas.

COMENTÁRIOS
Nenhum comentário encontrado.

imprimir IMPRIMIR