Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Política

- Publicada em 07 de Julho de 2022 às 18:24

Julgamento dos réus do caso Eliseu Santos já tem datas marcadas

Ex-vice-prefeito e secretário da Saúde de Porto Alegre foi morto a tiros em 2010

Ex-vice-prefeito e secretário da Saúde de Porto Alegre foi morto a tiros em 2010


MAURO SCHAEFER/ARQUIVO/JC
Agências
Foram marcadas as datas de julgamento dos sete réus acusados no caso do assassinato do ex-vice-prefeito de Porto Alegre Eliseu Santos. O primeiro júri será o de Robinson Teixeira dos Santos, no dia 22 de setembro, seguido pelo de Jorge Renato Hordoff de Mello em 19 de outubro. Os acusados Jonatas Pompeu Gomes e Marcelo Machado Pio serão julgados juntos em 23 de novembro, e em 12 de dezembro é a vez de Cássio Medeiros de Abreu, Marco Antonio de Souza Bernardes e José Carlos Elmer Brack.
Foram marcadas as datas de julgamento dos sete réus acusados no caso do assassinato do ex-vice-prefeito de Porto Alegre Eliseu Santos. O primeiro júri será o de Robinson Teixeira dos Santos, no dia 22 de setembro, seguido pelo de Jorge Renato Hordoff de Mello em 19 de outubro. Os acusados Jonatas Pompeu Gomes e Marcelo Machado Pio serão julgados juntos em 23 de novembro, e em 12 de dezembro é a vez de Cássio Medeiros de Abreu, Marco Antonio de Souza Bernardes e José Carlos Elmer Brack.
Todos os julgamentos estão previstos para terem início às 9h30min, no plenário de grandes júris, localizado no 2° andar do Foro Central I, na Capital. A decisão é do Juiz de Direito Orlando Faccini Neto, em substituição, no 2º Juizado da 1ª Vara do Júri da Capital.
O crime ocorreu na noite de 26 de fevereiro de 2010, no bairro Floresta, em Porto Alegre, quando Eliseu Santos, então titular da Secretaria Municipal da Saúde, foi morto com dois tiros em via pública. Na ocasião, ele estava acompanhado da mulher e da filha na saída de um culto religioso e foi atingido por uma pistola por suspeitos que se aproximaram em um Vectra.
Conteúdo Publicitário
Leia também
Comentários CORRIGIR TEXTO