OLÁ, ASSINE O JC E TENHA ACESSO LIVRE A TODAS AS NOTÍCIAS DO JORNAL.

JÁ SOU ASSINANTE

Entre com seus dados
e boa leitura!

Digite seu CPF, CNPJ ou E-mail para criar suas credenciais e acessar a versão eletrônica do Jornal.


QUERO ASSINAR!

Cadastre-se e veja todas as
vantagens de assinar o JC!


Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

COMENTAR |
RODOVIAS Notícia da edição impressa de 24 de Junho de 2022.

Entidades pressionam pela duplicação da BR-285

Agências
Duas associações de municípios estão articuladas para pressionar o governo do Estado, a fim de garantir parte dos recursos de mais de R$ 490 milhões que serão investidos em rodovias federais no Rio Grande do Sul, para a duplicação da BR 285 trecho entre São Luiz Gonzaga e Panambi. O investimento em rodovias federais será feito pelo governo estadual e contempla apenas as regiões da Grande Porto Alegre e da Serra, o que tem provocado indignação entre os prefeitos missioneiros.

Duas associações de municípios estão articuladas para pressionar o governo do Estado, a fim de garantir parte dos recursos de mais de R$ 490 milhões que serão investidos em rodovias federais no Rio Grande do Sul, para a duplicação da BR 285 trecho entre São Luiz Gonzaga e Panambi. O investimento em rodovias federais será feito pelo governo estadual e contempla apenas as regiões da Grande Porto Alegre e da Serra, o que tem provocado indignação entre os prefeitos missioneiros.

O assunto tem sido tratado pelo prefeito de Santo Ângelo e presidente da Associação dos Municípios das Missões (AMM), Jacques Barbosa, e pelo prefeito Daniel Hinnah, de Panambi, da Associação dos Municípios do Planalto Médio (AMUPLAM). As entidades discutem a elaboração de um projeto conjunto para a duplicação de três trechos da BR 285, entre os municípios de São Luiz Gonzaga e Panambi. Segundo informou Jacques, as associações estão articulando uma agenda em Porto Alegre na próxima semana, junto à Secretaria de Infraestrutura e Logística, para reivindicar que uma parcela dos recursos do Estado, investido em rodovias federais, seja destinada para a duplicação do trecho.

O acordo de colaboração entre as associações para o projeto foi confirmado em meio ao 40º Congresso dos Municípios, realizado na cidade de Restinga Seca, na terça-feira (21), para a posse do presidente da Federação dos Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs), Paulinho Salerno, que sucedeu Eduardo Bonotto, prefeito de São Borja. Ainda não há data para que ocorra a reunião.

Comentários CORRIGIR TEXTO
CONTEÚDO PUBLICITÁRIO

Desde 1996 o Jornal Cidades dedica-se exclusivamente a evidenciar os destaques dos municípios gaúchos. A economia de cada região é divulgada no jornal, que serve também de espaço para publicação de editais de licitação. Entre em contato conosco e anuncie nessa mídia adequada e dirigida às Prefeituras de todo o RS.

Informações e anúncios - Fone: (51) 3221.8633
E-mail: [email protected]


www.jornalcidades.com.br