OLÁ, ASSINE O JC E TENHA ACESSO LIVRE A TODAS AS NOTÍCIAS DO JORNAL.

JÁ SOU ASSINANTE

Entre com seus dados
e boa leitura!

Digite seu CPF, CNPJ ou E-mail para criar suas credenciais e acessar a versão eletrônica do Jornal.


QUERO ASSINAR!

Cadastre-se e veja todas as
vantagens de assinar o JC!


Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

COMENTAR |
EVENTOS Notícia da edição impressa de 23 de Junho de 2022.

Festiqueijo quer bater recorde de público em Carlos Barbosa

Fábio Basso prevê a circulação de 30 mil pessoas durante os cinco fins de semana do festival no município

Fábio Basso prevê a circulação de 30 mil pessoas durante os cinco fins de semana do festival no município


/ Andressa Pufal/JC
João Dienstmann
Queijo, vinho e a Serra gaúcha costumam ser uma das principais combinações dos turistas que planejam o fim de semana fora de casa. Pois um dos eventos que melhor retrata essa expectativa está de volta, após ter a última edição presencial em 2019. A Festiqueijo, em Carlos Barbosa, projeta bater recorde de público e se apresenta com mais atrações aos visitantes.

Queijo, vinho e a Serra gaúcha costumam ser uma das principais combinações dos turistas que planejam o fim de semana fora de casa. Pois um dos eventos que melhor retrata essa expectativa está de volta, após ter a última edição presencial em 2019. A Festiqueijo, em Carlos Barbosa, projeta bater recorde de público e se apresenta com mais atrações aos visitantes.

A expectativa da organização é ter um público superior a 30 mil visitantes (praticamente a população do município) nos cinco fins de semana em que a Festiqueijo ocorrerá, com sede no Salão Paroquial da Igreja Matriz da cidade. Os ingressos são vendidos para sextas-feiras, sábados e domingos. Às sextas e domingos, o valor é de R$ 175,00, enquanto para o sábado, a entrada é de R$ 195,00. O valor inclui acesso às ilhas de degustação com queijos, vinhos, espumantes e sucos de uva, além de pratos típicos da culinária regional, como salaminho, galeto, salsichão, dentre outros. Serão 19 empresas de alimentos e bebidas a fornecer os quitutes durante o evento.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Turístico, Indústria e Comércio de Carlos Barbosa, Fábio Basso, em visita ao Jornal Cidades, junto com a Senhorita Festiqueijo, Kelly Cristina Guedes Dama de Companhia, Brenda Pagliarini Sartori, o evento é a festividade com maior impacto no segmento turístico da cidade. Um dado que pode mensurar a importância do evento é que as 200 vagas em hotéis e pousadas da cidade estão esgotadas para o primeiro fim de semana (1 e 2 de julho). Com isso, cidades próximas, como Garibaldi e Bento Gonçalves acabam por absorver a demanda de quem deseja passar o fim de semana. 

Além disso, um número elevado de excursões está programado para visitar o evento. A capacidade máxima por dia é de 1.720 pessoas no local. A entrada dá benefício durante todo o período aos visitantes.

Para o secretário, duas novidades devem chamar a atenção do público. A primeira é a criação de uma área VIP, com serviço diferenciado ao público, e a segunda é a Vila das Etnias. "Na Vila teremos espaços para ilustrar a importância dos povos que estiveram na cidade e doaram um pouco da cultura para a criação de Carlos Barbosa", afirma. Hábitos da França, Holanda, Espanha, Áustria, Ucrânia, Portugal e das matriz africana serão apresentados. Quem circular pelo local vai poder apreciar hábitos e costumes. além de objetos preparados por associações que atuam na preservação de suas tradições.

No domingo (26), a partir das 14h30, ocorre o Desfile Temático, com início na esquina das ruas Buarque de Macedo com a Borges de Medeiros até o encontro da Buarque com a Assis Brasil. O evento precede o festival e marca a abertura da Vila das Etnias. Com carros alegóricos, trajes típicos, músicas folclóricas e cores, centenas de figurantes vão invadir a principal avenida da cidade numa demonstração de resgate e preservação das etnias predominantes na história do município. 

Comentários CORRIGIR TEXTO
CONTEÚDO PUBLICITÁRIO

Desde 1996 o Jornal Cidades dedica-se exclusivamente a evidenciar os destaques dos municípios gaúchos. A economia de cada região é divulgada no jornal, que serve também de espaço para publicação de editais de licitação. Entre em contato conosco e anuncie nessa mídia adequada e dirigida às Prefeituras de todo o RS.

Informações e anúncios - Fone: (51) 3221.8633
E-mail: [email protected]


www.jornalcidades.com.br