Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Começo de Conversa

- Publicada em 24 de Novembro de 2022 às 22:08

Um hospital impecável


TÂNIA MEINERZ/JC
Fernando Albrecht
O Hospital Moinhos de Vento homenageou seus médicos credenciados do corpo clínico que atuam entre 20 e 50 anos anos ou mais na casa. A instituição sob comando do CEO Mohamed Parrini conta com um total de 3,7 mil médicos credenciados. Na cerimônia no Teatro do Bourbon Country, foram homenageados médicos jubilados, em uma festa bonita e muito bem organizada.
O Hospital Moinhos de Vento homenageou seus médicos credenciados do corpo clínico que atuam entre 20 e 50 anos anos ou mais na casa. A instituição sob comando do CEO Mohamed Parrini conta com um total de 3,7 mil médicos credenciados. Na cerimônia no Teatro do Bourbon Country, foram homenageados médicos jubilados, em uma festa bonita e muito bem organizada.
 

Sobre burros e sobretudos

De burro, o político mineiro Benedito Valadares não tinha nada, mas o governador das Minas Gerais, nomeado por Getúlio Vargas nos anos 1930, entrou na história com esse estigma. Uma de tantas histórias é do tempo em que ele era prefeito da sua cidade natal, Pará de Minas.
A cidade passava por uma crise de sal. Não havia sal nem para remédio, e a população clamava pelo cloreto de sódio como se fosse o maná dos céus bíblicos. Benedito, então, mandou um telegrama pedindo ao governo federal três vagões de sal. Dias depois, um trem chegou carregado com vagões de cal.
- Ué! - disse Benedito entre espantado e avexado -, me esqueci de pedir que o telegrafista botasse cedilha no cê.
O escritor alegretense Luiz Odilon narra outro causo envolvendo trem. No início do governo Jânio Quadros, em 1960, um conterrâneo foi à estação ferroviária num dia quente barbaridade. Estranhou que o funcionário da ferrovia estivesse de uniforme e quepe mais um grosso sobretudo de lá. Suava em bicas.
- Mas tchê, tu não está com calor?
- Mas bah! - respondeu o funcionário - Estou pegando fogo! Olha só a ordem de serviço que recebi.
Então mostrou um papel timbrado da empresa determinando entre muitas outras coisas que:
"Os funcionários devem usar uniforme completo, sobretudo na hora da chegada do trem de passageiros".

Panvel vacina

Nos últimos anos, a Panvel tem consolidado sua referência na oferta de vacinas com atendimento prático e de excelência. Com a inauguração de sua nova loja na rua Antônio Carlos Berta 151, Zona Norte de Porto Alegre, já são 19 pontos.

Menos é mais

Pesquisa de final de ano da Fecomércio-RS aponta que em 2022 as pessoas vão presentear mais, mas o valor médio dos presentes tende a ser menor do que no ano passado. O custo médio do presente unitário deverá ficar em R$ 130,76, com um número médio de 4,3 presentes.

Edgar Pozzer

Do Efeito Rabo Preso...

Estamos assistindo um episódio inédito na nossa história, os dois Brasis. O presidente de fato do primeiro Brasil é o ministro do STF Alexandre de Moraes, enquanto o Congresso Nacional ou o aplaude, ou é impotente para mudar. Uma parte considerável dele sofre o Efeito Rabo Preso, cujo efeito secundário é trocar de cuecas várias por dia.

...ao tambor que sumiu

Os meios de comunicação sempre foram o tambor da sociedade, mas não desta vez - com exceções - porque fazem parte do Brasil 1. O Brasil 2 estrebucha nas redes sociais, amparado por 49% do eleitorado. No que isso vai dar, não se sabe. Enquanto se trava essa batalha verbal, o presidente eleito fica sem voz enquanto montam seu governo.

Os guizos do gato

A falta de uma reação contra as ações do ministro Alexandre de Moraes parece a fábula dos ratos e do gato. Para que os roedores soubessem da sua chegada, um deles propôs que se atassem guizos no rabo do gato. Aplausos gerais, até que um deles fez uma pergunta incômoda.
- E quem vai amarrar os guizos no rabo do gato?
Silêncio geral.

Mediação tributária

Capitaneada pela Fazenda e Procuradoria-Geral do Município, a prefeitura de Porto Alegre venceu o 4º Prêmio Boas Práticas da Gestão Municipal, promovido pela Famurs. Desde a implementação da mediação na capital gaúcha, seis procedimentos já foram instaurados envolvendo valores superiores a R$ 80 milhões.

As delícias dos extremos

Em meados dos anos 1970, um delegado de Polícia aposentado chamado Lycurgo Cardoso escreveu um livro que foi mais comentado que lido por causa do seu título: Ninguém vive impunemente as delícias dos extremos. É um bom título para ser lido pelos ministros do Supremo.

Risos

Os programas de humor da TV aberta desapareceram. Os que existem são programas de mau humor. Hoje, quem está com essa bola toda são as redes sociais.
 
Conteúdo Publicitário
Leia também
Comentários CORRIGIR TEXTO