Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Cadernos#JC Logística

JC Logística

- Publicada em 25 de Julho de 2022 às 17:21

Plataforma de fretes internacionais reduz custos

Para Brandão, logística mundial enfrenta maior crise da história

Para Brandão, logística mundial enfrenta maior crise da história


Talura/Divulgação/JC
Mesmo com urgência em escoar suas exportações e a necessidade de redução de custos com transportes marítimos, uma empresa precisava - até pouco tempo atrás - de 70 e-mails trocados para contratar um frete internacional. Mas uma startup brasileira que pesquisa preços de fretes de cargas encurtou significativamente este tempo, encontrando ainda preços mais competitivos e acessíveis para importações e exportações.

Mesmo com urgência em escoar suas exportações e a necessidade de redução de custos com transportes marítimos, uma empresa precisava - até pouco tempo atrás - de 70 e-mails trocados para contratar um frete internacional. Mas uma startup brasileira que pesquisa preços de fretes de cargas encurtou significativamente este tempo, encontrando ainda preços mais competitivos e acessíveis para importações e exportações.

Com clientes de diversos segmentos como Cooxupé, Nadir Figueiredo, Berneck e Josapar, a Talura é uma plataforma em modelo SaaS, que entrega informações com agilidade, gerando três cotações de fretes em até 48 horas. Em um único ecossistema, integra cotação e contratação de fretes internacionais nos modais aéreo, terrestre e marítimo. Com a solução da Talura, a Cooxupé, uma das maiores produtoras de café arábica do Brasil, reduziu em 12% seus custos com fretes.

Por cases como este, Talura está em constante crescimento. São mais de 600 empresas embarcadoras e 150 agentes de carga. Em maio deste ano, a startup dobrou o número de intermediações realizadas. A ideia de simplificar esta parte da cadeia de comércio exterior surgiu do founder e CEO, Marcelo Brandão, que traz a bagagem de anos atuando na área em multinacionais e sentia essa dor do mercado.

"Hoje vivemos a maior crise de logística internacional de todos os tempos. Existe uma demanda enorme e pouca capacidade para atender", afirma Brandão. Para criar a plataforma, ele se juntou a dois amigos, Arthur Lee, com passagens pela Endeavor e Acordo Certo, e João Gomes, que foi tech lead no Banco Neon e PJ Linker.

Em dezembro de 2021, receberam aporte da Comexport, a maior trading company do Brasil, com mais de 50 anos de experiência no segmento. Para o segundo semestre de 2022, a Talura tem expectativa de chegar a 800 empresas exportadoras e importadoras, mais de 200 provedores de logística internacional e atingir a marca de R$ 100 milhões em transações de fretes internacionais.

 

Tecnologia para marketplaces anuncia integração com SAP e TOTVS

A Magis5, startup que integra médios e grandes comerciantes a grandes marketplaces em todo o Brasil, acaba de anunciar a integração de seu sistema com o SAP Business One e TOTVS, empresas conhecidas globalmente como melhores sistemas de gestão.

Com isso, a empresa proporciona pela primeira vez no Brasil a integração em grande escala de sistemas de gestão tipo ERPs a marketplaces, unindo gestão empresarial à gestão comercial e financeira, incluindo as vendas on-line, tão essenciais nos dias de hoje. De acordo com a empresa americana Worldpay from FIS, calcula-se que o e-commerce deva atingir US$ 56 bilhões em 2022.

A novidade, que se deu graças a parcerias como a A Sistemas de Gestão, uma consultoria SAP localizada em São Paulo, visa atender principalmente aos grandes varejistas do mercado, além de indústrias. Desta forma, o setor de vendas será integrado à área de dados de pessoas, empresas, propostas, faturamentos, contas a pagar e estoques, por exemplo. Com isso, espera-se que sejam sanadas as principais dores do setor, como a perda de tempo ou retrabalho, processos manuais, aumento do custo operacional e insatisfação dos clientes, gerando uma expectativa de que as empresas que utilizarão as soluções gerem um aumento de 15% de receita, em média.

Claudio Dias, CEO da Magis5

Segundo Claudio Dias, CEO da Magis5, uma das principais dores dos marketplaces hoje está no fato de que os ERPs não foram desenhados para o comércio eletrônico de alta escala. Pelo contrário: normalmente estas ferramentas são de baixa flexibilidade e não respondem às demandas dos shoppings virtuais rapidamente: "Ao passo que os marketplaces têm que mudar seus processos quase que semanalmente, impactando muitas vezes as integrações, como os ERPs tradicionais são menos flexíveis, os usuários tendem a sofrer com os processos de ajuste, os quais, na maioria das vezes, são deixados de lado".

Desta maneira, a Magis5 se torna a única plataforma que se integra a estes ERPs e que consegue criar seu próprio processo de expedição e controle, oferecendo a seus clientes economia de tempo e de mão de obra. Quem utiliza seus sistemas tem em média um crescimento de 30% em suas vendas, conforme comenta Alexandro Dias, CEO da ALFA Sistemas de Gestão, consultoria Gold da SAP com 20 anos de atuação, com foco na implementação e suporte do ERP SAP Business One: "A partir do momento que a empresa optar pela utilização dessa ferramenta, ela conseguirá otimizar sua operação."

Conteúdo Publicitário
Leia também
Comentários CORRIGIR TEXTO