Porto Alegre, quarta-feira, 12 de janeiro de 2022.
Aniversário da Caixa Econômica Federal.
Porto Alegre,
quarta-feira, 12 de janeiro de 2022.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

prefeitura de porto alegre

- Publicada em 12/01/2022 às 03h00min.

Sebastião Melo reforça a Bolsonaro pedido para criar SUS do transporte

Prefeito Sebastião Melo participou de reunião com representantes do governo federal

Prefeito Sebastião Melo participou de reunião com representantes do governo federal


/PMPA/divulgação/JC
No primeiro dia do roteiro fora de Porto Alegre, o prefeito Sebastião Melo (MDB) reuniu-se no início da tarde desta terça-feira (11) com o presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), no Palácio do Planalto, em Brasília. Melo reforçou pessoalmente o apelo pela pauta que alcançou mobilização nacional: a redução de impostos federais sobre itens que impactam a tarifa e a contribuição da União no financiamento do transporte coletivo.
No primeiro dia do roteiro fora de Porto Alegre, o prefeito Sebastião Melo (MDB) reuniu-se no início da tarde desta terça-feira (11) com o presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), no Palácio do Planalto, em Brasília. Melo reforçou pessoalmente o apelo pela pauta que alcançou mobilização nacional: a redução de impostos federais sobre itens que impactam a tarifa e a contribuição da União no financiamento do transporte coletivo.
Em dezembro, o prefeito integrou missão liderada pela Frente Nacional de Prefeitos que esteve no Congresso Nacional defendendo apoio para enfrentar a crise na mobilidade que atinge as grandes cidades. "A criação do SUS do transporte é essencial para financiar a passagem daqueles que não podem pagar e baixar a tarifa para quem paga. A crise do transporte é comum às grandes cidades, e é o momento das diferentes instâncias dos governos se unirem para criar soluções. Saí otimista de que o presidente deverá caminhar nesta direção", afirmou Melo.
Também nesta terça (11), o prefeito foi recebido pelo ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni, para tratar de mais uma etapa na reforma da Previdência dos servidores municipais, que depende do aval do governo federal. Em 2021, a Câmara Municipal aprovou a proposta da prefeitura, com a Emenda 43 à Lei Orgânica e a Lei Complementar 915, que adequam as regras dos servidores do município à reforma da Previdência, além da votação da Previdência Complementar, através da Lei Complementar 913.
A última fase da reforma visa à realização da revisão da segregação de vidas, cujos estudos e proposta se encontram na Secretaria de Políticas de Previdência Social. A proposta poderá gerar uma diminuição no custo da previdência, acima de R$ 10 milhões por mês de forma imediata.
Nesta quarta-feira (12), Melo reúne-se com o diretor substituto de Outorgas e Patrimônio da Secretaria Nacional de Aviação, Fabiano Carvalho, para tratar do Aeroclube. Também estará no Ministério da Saúde para encontro com o secretário Executivo, Rodrigo Otávio Moreira da Cruz, sobre regulação e o cenário da pandemia da Covid-19 diante da variante Ômicron.
As agendas do prefeito externas à Capital se estendem até a próxima segunda-feira. Estão previstas, reuniões em Curitiba, São Paulo e Campinas com os prefeitos locais, com o foco na mobilização nacional por alternativas de financiamento para o transporte e de qualificação da mobilidade humana.
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO