Porto Alegre, quinta-feira, 01 de outubro de 2020.
Dia Nacional do Idoso e Dia do Vendedor.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 01 de outubro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

investigação

- Publicada em 20h31min, 30/09/2020.

Ex-advogado dos Bolsonaro, Wassef vira réu por desvios no Sistema S

Advogado Fredrick Wassef virou réu por peculato e lavagem de dinheiro

Advogado Fredrick Wassef virou réu por peculato e lavagem de dinheiro


FABIO MOTTA/AFP/JC
A juíza federal substituta Caroline Vieira Figueiredo, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, aceitou a denúncia feita pelo Ministério Público Federal (MPF), e o advogado Fredrick Wassef virou réu por peculato e lavagem de dinheiro.
A juíza federal substituta Caroline Vieira Figueiredo, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, aceitou a denúncia feita pelo Ministério Público Federal (MPF), e o advogado Fredrick Wassef virou réu por peculato e lavagem de dinheiro.
O ex-advogado do presidente Jair Bolsonaro e do senador Flávio Bolsonaro (REP-RJ) é suspeito de participar de um esquema que teria desviado R$ 4,6 milhões das seções fluminenses do Serviço Social do Comércio (Sesc), do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) e da Federação do Comércio (Fecomércio). Além de Wassef, a juíza também aceitou a denúncia contra Orlando Diniz, ex-presidente do Sesc-RJ, o deputado Marcelo Cazzo e as advogadas Marcia Zampiron e Luiza Nagib Eluf. O UOL procurou Wassef, mas o advogado não retornou o contato.
Comentários CORRIGIR TEXTO