Porto Alegre, sexta-feira, 25 de setembro de 2020.
Dia do Trânsito.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sexta-feira, 25 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

palácio piratini

- Publicada em 03h00min, 01/06/2020.

Governo Leite promove alterações no secretariado

Tá na Mesa da Federasul.
Na foto: Claudio Gastal

Tá na Mesa da Federasul. Na foto: Claudio Gastal


/LUIZA PRADO/JC

Ogoverno do Estado anunciou, na sexta-feira, a primeira reforma administrativa no secretariado desde o início da gestão de Eduardo Leite (PSDB). A mudança envolve três secretarias. A titular da pasta de Planejamento, Orçamento e Gestão, Leany Lemos, será indicada para ocupar uma das diretorias do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE). Como o Rio Grande do Sul será o próximo Estado a exercer a presidência rotativa da instituição, Leany será presidente e irá se tornar a primeira mulher à frente do banco.

Ogoverno do Estado anunciou, na sexta-feira, a primeira reforma administrativa no secretariado desde o início da gestão de Eduardo Leite (PSDB). A mudança envolve três secretarias. A titular da pasta de Planejamento, Orçamento e Gestão, Leany Lemos, será indicada para ocupar uma das diretorias do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE). Como o Rio Grande do Sul será o próximo Estado a exercer a presidência rotativa da instituição, Leany será presidente e irá se tornar a primeira mulher à frente do banco.

Uma das idealizadoras do modelo de distanciamento controlado adotado pelo Rio Grande Sul para enfrentar a crise do coronavírus, Leany seguirá na coordenação do Comitê de Dados e participando do Gabinete de Crise que gerencia as ações contra a doença, ocupando um cargo de assessoria do gabinete do governador até a aprovação do seu nome para a diretoria do banco. Leite salientou a importância estratégica que o BRDE terá nas políticas de reestruturação econômica pós-Covid.

A Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag) e a Secretaria de Governança e Gestão Estratégica (SGGE) serão integradas. A nova pasta terá a condução de Claudio Gastal (PPS), atual secretário da SGGE. 

A segunda mudança ocorre na Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, que será exercida por Rodrigo Lorenzoni (DEM), no lugar de Rubens Bender, que a ocupava interinamente. Depois da separação, cuja data de finalização não está definida, Lorenzoni - que já foi secretário de Articulação e Apoio aos Municípios no início da atual gestão e, como deputado, colaborou na aprovação da Reforma RS na Assembleia Legislativa - comandará a pasta do Turismo.

A terceira mudança envolve a Secretaria de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos (SJCDH). Catarina Paladini deixa o cargo a seu pedido. Ele vai se dedicar às eleições de 2020. Quem assume a pasta é Mauro Luciano Hauschild, procurador federal e ex-presidente do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Comentários CORRIGIR TEXTO