Porto Alegre, segunda-feira, 18 de maio de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
segunda-feira, 18 de maio de 2020.
Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

congresso nacional

Alterada em 18/05 às 18h20min

Congresso não terá recesso em julho devido à crise do coronavírus, diz Alcolumbre

Segundo presidente da Casa, trabalhos serão mantidos sem recesso em julho

Segundo presidente da Casa, trabalhos serão mantidos sem recesso em julho


PEDRO FRANÇA/AGÊNCIA SENADO/JC
Os trabalhos do Congresso Nacional serão mantidos sem recesso em julho. O motivo, segundo o presidente da Casa, Davi Alcolumbre (DEM-AP), é a pandemia do coronavírus.
Os trabalhos do Congresso Nacional serão mantidos sem recesso em julho. O motivo, segundo o presidente da Casa, Davi Alcolumbre (DEM-AP), é a pandemia do coronavírus.
"Após reunião de líderes realizada nesta segunda (18), ficou decidido que não haverá recesso parlamentar em julho. A decisão foi tomada por nós parlamentares por entendermos que o Legislativo precisa continuar trabalhando para amenizar os efeitos negativos da pandemia da covid-19", escreveu Alcolumbre no Twitter.
O recesso estava previsto para entre 17 e 31 de julho.
No entanto, mesmo com a crise, pela Constituição, os parlamentares não poderiam sair de férias de todo jeito, se não votassem a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) antes desse período.
 
Comentários