Porto Alegre, sexta-feira, 20 de março de 2020.
Início do Outono.

Jornal do Comércio

Porto Alegre, sexta-feira, 20 de março de 2020.
Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

governo federal

20/03/2020 - 11h05min. Alterada em 20/03 às 11h05min

'Não estou preocupado com panelaço, estou preocupado com o vírus', diz Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro afirmou que não há nenhuma preocupação no governo federal sobre as recentes manifestações populares contra sua gestão. Na quarta-feira (18), panelaços foram registrados em diversas capitais brasileiras manifestações se repetiram na quinta-feira. "Estou preocupado com o vírus, saúde e emprego do povo brasileiro. Qualquer panelaço, qualquer coisa que venha acontecer é manifestação democrática", afirmou.
O presidente Jair Bolsonaro afirmou que não há nenhuma preocupação no governo federal sobre as recentes manifestações populares contra sua gestão. Na quarta-feira (18), panelaços foram registrados em diversas capitais brasileiras manifestações se repetiram na quinta-feira. "Estou preocupado com o vírus, saúde e emprego do povo brasileiro. Qualquer panelaço, qualquer coisa que venha acontecer é manifestação democrática", afirmou.
Após minimizar a disseminação do novo coronavírus no primeiro momento, o presidente afirmou que é necessário uma "carga pesada" de conscientização na população. Apesar de ser contrário ao fechamento do comércio, Bolsonaro pediu para que quem não precisar sair de casa, evitar ir às ruas. "Esta tem que ser a mais importante orientação ao povo brasileiro", afirmou.
O presidente também negou que haja qualquer problema em relação ao Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, ou outros membros de sua equipe. "Mandetta, por exemplo, estava um ministro normal. De repente, um dia, ele apareceu e está mostrando sua competência", afirmou.
O mandatário lamentou, por fim, a ausência do general Augusto Heleno, ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), que testou positivo para coronavírus.