Porto Alegre, sábado, 26 de setembro de 2020.
Dia Nacional dos Surdos.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sábado, 26 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Operação Lava Jato

- Publicada em 03h00min, 22/01/2020.

'Você não acredita na Justiça?', diz Bolsonaro sobre denúncia contra Greenwald

O presidente Jair Bolsonaro questionou nesta terça-feira (21) se os veículos de imprensa não acreditam na credibilidade do Ministério Público Federal após o jornalista Glenn Greenwald, fundador do site The Intercept Brasil, ter sido denunciado.
O presidente Jair Bolsonaro questionou nesta terça-feira (21) se os veículos de imprensa não acreditam na credibilidade do Ministério Público Federal após o jornalista Glenn Greenwald, fundador do site The Intercept Brasil, ter sido denunciado.
Sob a acusação de envolvimento no hackeamento de contas de Telegram de autoridades como o ministro da Justiça, Sérgio Moro, sete pessoas foram denunciadas, incluindo o jornalista, que não havia sido nem investigado. Na entrada do Palácio da Alvorada, o presidente questionou inicialmente se Greenwald ainda mora no Brasil. "Não devia nem estar. Onde está esse cara? Ele está no Brasil?", perguntou. Na sequência, o presidente foi indagado se a denúncia contra o jornalista poderia ser interpretada como uma perseguição à atividade da imprensa. Inicialmente, ele não quis responder. Diante da insistência, fez uma ironia.
"Quem denunciou foi a Justiça. Você não acredita na Justiça?", disse Bolsonaro, corrigindo-se após ser informado que cabe ao Ministério Público fazer a denúncia. "É MP, MP", afirmou. Em julho, pouco mais de um mês após a publicação da primeira reportagem com base nas mensagens com os diálogos da Lava Jato, Bolsonaro chamou Greenwald de "malandro".
Comentários CORRIGIR TEXTO