Porto Alegre, domingo, 27 de setembro de 2020.
Dia Mundial do Turismo.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
domingo, 27 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Governo do Estado

- Publicada em 16h29min, 06/01/2020. Atualizada em 09h06min, 07/01/2020.

Governo Leite antecipa reunião com Cpers para esta terça-feira

Leite decretou a emissão de certidões provisórias para alunos do 9º ano e de 3º ano do Ensino Médio

Leite decretou a emissão de certidões provisórias para alunos do 9º ano e de 3º ano do Ensino Médio


GUSTAVO MANSUR/PALÁCIO PIRATINI/DIVULGAÇÃO/JC
A reunião entre o governo gaúcho e o Cpers-Sindicato para discutir o pagamento do ponto do Magistério, em greve desde o dia 18 de novembro, foi antecipada para esta terça-feira (7), às 11h. A decisão foi tomada no começo da tarde desta segunda (6), pelo governador Eduardo Leite, na sede da Secretaria de Educação (Seduc), em Porto Alegre, e divulgada em nota no site do Estado.
A reunião entre o governo gaúcho e o Cpers-Sindicato para discutir o pagamento do ponto do Magistério, em greve desde o dia 18 de novembro, foi antecipada para esta terça-feira (7), às 11h. A decisão foi tomada no começo da tarde desta segunda (6), pelo governador Eduardo Leite, na sede da Secretaria de Educação (Seduc), em Porto Alegre, e divulgada em nota no site do Estado.
Na reunião, Leite também decretou a emissão de certidões provisórias para alunos do 9º ano do Ensino Fundamental e do 3º ano do Ensino Médio. O documento permitirá que os alunos não tenham prejuízo na agenda de matrícula de cursos técnicos ou superiores, diz a nota. A Seduc contabilizou 25 dias de paralisação de aulas, entre 14 de novembro e 19 de dezembro.
A antecipação da agenda é uma resposta ao Cpers-Sindicato, que esteve no Palácio Piratini na última quinta-feira (2) reivindicando o encontro com o governo. Além do pagamento aos grevistas, os professores também pautam a negociação da recuperação de aulas.
Comentários CORRIGIR TEXTO