Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 14 de novembro de 2019.
Dia do Bandeirante.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

Câmara de Porto Alegre

Edição impressa de 14/11/2019. Alterada em 14/11 às 15h06min

Carris fará empréstimo para comprar 87 ônibus

Frota que será substituída é a mesma que motivou ampliação do limite de idade em 2018

Frota que será substituída é a mesma que motivou ampliação do limite de idade em 2018


MARCELO G. RIBEIRO/JC
Diego Nuñez
A Câmara Municipal da Capital autorizou a Companhia Carris Porto-Alegrense (Carris) a contratar operação de crédito no valor de R$ 40,9 milhões para a substituição de 87 ônibus da frota. A renovação é considerada necessária pela prefeitura, pois este é o número de veículos que atingem, em maio do no que vem, a idade máxima de 12 anos.
A Câmara Municipal da Capital autorizou a Companhia Carris Porto-Alegrense (Carris) a contratar operação de crédito no valor de R$ 40,9 milhões para a substituição de 87 ônibus da frota. A renovação é considerada necessária pela prefeitura, pois este é o número de veículos que atingem, em maio do no que vem, a idade máxima de 12 anos.
O projeto teve origem na própria companhia, pois, "ou a gente troca, ou a gente desasiste a população com esses 87 carros. Seriam 140 mil pessoas com um serviço ou precário, ou efetivamente não vão ter o serviço a ser realizado" declarou a diretora-presidente da Carris, Helen Machado.
Ela compareceu à sessão ordinária desta quarta-feira (13) no Legislativo para garantir a aprovação do projeto junto aos vereadores, e explicou que a companhia passou os últimos dois anos e meio conversando com os bancos. "Nós ainda estamos com um resultado negativo, então os bancos não se sentem seguros para fazer esse financiamento, porque a Carris seria uma empresa de risco."
Por fim, o empréstimo será contratado junto ao Banco do Brasil, mas com uma condição: a prefeitura assumirá a função de fiadora do negócio, e irá arcar com o saldo do financiamento caso a Carris não consiga pagar. Segundo Helen, os novos ônibus devem estar em circulação entre fevereiro e março de 2020.
Esses 87 ônibus só puderam circular pelas ruas da capital nos últimos dois anos após a ampliação da idade máxima dos veículos, de 10 para 12 anos, em maio de 2018 - às vésperas de ficarem irregulares.
A proposta foi aprovada com 30 votos "sim" e apenas duas contrariedades. O vereador Ricardo Gomes (PP) criticou a prefeitura por não ter feito a reposição da frota imediatamente após a alteração da idade máxima dos veículos. Para ele, o Executivo preferiu aguardar dois anos para entregar 87 ônibus novos à população de Porto Alegre em ano de eleições municipais.
Havia a expectativa que a Câmara Municipal votasse também o projeto do prefeito Nelson Marchezan Júnior (PSDB) que pretende criminalizar a atividade dos flanelinhas e guardadores de carro na Capital. A polêmica proposta, classificada por alguns parlamentares de ser inconstitucional por proibir uma profissão reconhecida em legislação nacional, teve que aguardar. Entre a sessão de segunda e a desta quarta-feria, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) publicou uma Medida Provisória (MP) que extingue, entre outras coisas, a lei que regulamentava o exercício da profissão de guardador e lavador autônomo de veículos.
Mesmo que a presidente do Legislativo, Mônica Leal (PP), tenha sinalizado que "a orientação jurídica da casa é que a lei municipal continua em vigor, e o fato de a MP revogar a lei não proibiu essa atividade", os vereadores prefiram aguardar para estudar melhor os reflexos da decisão do governo federal.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia