Porto Alegre, sábado, 25 de julho de 2020.
Dia do Escritor. Dia do Motorista .

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sábado, 25 de julho de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Meio Ambiente

- Publicada em 03h00min, 23/09/2019. Atualizada em 03h00min, 23/09/2019.

Bolsonaro fará discurso focado no meio ambiente em abertura da Assembleia-Geral da ONU

A comitiva presidencial parte de Brasília, nesta segunda-feria (23), rumo a Nova Iorque (EUA), onde Jair Bolsonaro (PSL) deve discursar na abertura da Assembleia-Geral da ONU terça-feira (24).  O presidente aproveitará o discurso para enviar "recados" à comunidade internacional. A previsão é de que repita que o Executivo brasileiro não tolera crimes ambientais, defenda a soberania no País, mostre dados para reforçar que as queimadas estão na média de anos anteriores.
A comitiva presidencial parte de Brasília, nesta segunda-feria (23), rumo a Nova Iorque (EUA), onde Jair Bolsonaro (PSL) deve discursar na abertura da Assembleia-Geral da ONU terça-feira (24).  O presidente aproveitará o discurso para enviar "recados" à comunidade internacional. A previsão é de que repita que o Executivo brasileiro não tolera crimes ambientais, defenda a soberania no País, mostre dados para reforçar que as queimadas estão na média de anos anteriores.
De acordo com auxiliares, Bolsonaro está "animado" com a oportunidade de defender a própria versão sobre o fogo na Amazônia. A comitiva deve incluir a índia Ysani Kalapalo, moradora de aldeia no Parque Indígena do Xingu, ao norte de Mato Grosso. Defensora do discurso do governo de que notícias falsas distorcem informações sobre as queimadas, Ysani foi convidada diretamente por Bolsonaro.
Comentários CORRIGIR TEXTO