Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 08 de janeiro de 2019.
Dia Nacional do Fotógrafo.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

Prefeitura de Porto Alegre

Edição impressa de 08/01/2019. Alterada em 07/01 às 22h41min

Marchezan dá início à 'reforma do secretariado'

Prefeito de Porto Alegre anunciou que fará mudanças no secretariado e em chefias do Poder Executivo

Prefeito de Porto Alegre anunciou que fará mudanças no secretariado e em chefias do Poder Executivo


/MARIANA CARLESSO/JC
Diego Nuñez

"Eu sei que gostam de elencar as mudanças no governo municipal. Aviso: terão mais mudanças", anunciou o prefeito Nelson Marchezan Júnior (PSDB), na cerimônia em que deu posse a quatro novos titulares de pastas e dois secretários adjuntos. Sem revelar quais secretarias sofrerão alterações em sua composição, Marchezan disse que "estamos em um momento de composição política e técnica" nas esferas nacional e estadual. Também lembrou que sua gestão no comando do Paço Municipal atingiu a metade do mandato. Segundo o prefeito, "é um início de reforma que estamos fazendo no secretariado, nos adjuntos, nas diretorias, nas empresas municipais e em todas as chefias na prefeitura".

Na tarde de ontem, Marchezan iniciou essa série de mudanças no alto escalão da prefeitura empossando seis novos secretários. Pablo Stürmer, antigo adjunto da pasta, assumirá a titularidade da Secretaria Municipal de Saúde. Até então vereadora em Porto Alegre, Comandante Nádia (MDB) será a secretária de Desenvolvimento Social e Esporte. Eduardo Cidade fica com a pasta de Desenvolvimento Econômico, enquanto a Secretaria Municipal de Planejamento e Gestão ficará a cargo de Juliana de Castro.

Além dos quatro titulares das pastas, foram empossados dois adjuntos: Natan Katz na Saúde e Daniel Rigon em Planejamento e Gestão. Ambos já faziam parte de suas secretarias.

Stürmer assume a Saúde após a ida de Erno Harzheim para o governo Jair Bolsonaro (PSL). O novo secretário disse que, "para garantir o acesso à saúde, a gente não precisa sentar numa sala e ter ideias brilhantes. A gente precisa estudar e revisar aquilo que as grandes publicações científicas já mostram: um sistema de saúde que funcione é fortemente orientado pela atenção primária". Stürmer estabeleceu como objetivo "chegar a oito unidades de saúde com funcionamento até as 22h, uma em cada gerência distrital" e ampliar para 60% a cobertura de equipes completas de Estratégia de Saúde da Família, hoje com abrangência de 55%.

Tenente-coronel da reserva, Nádia destaca um "princípio regente na formação das carreiras militares, a proteção dos direitos humanos". A secretária toma posse dizendo que irá "quebrar o paradigma do falso direito humano criado pela esquerda brasileira, que centralizou os direitos humanos e restringiu esse tema ao assistencialismo".

Nádia quer a população "usufruindo dos benefícios sociais com dia para entrar, mas com hora para sair. Não queremos parasitas do sistema, e sim cidadãos de bem, fortalecidos e gerando renda. O melhor projeto social é o emprego".

Três pastas passam por três secretários em dois anos

Na metade da gestão de Nelson Marchezan Júnior (PSDB), das quatro pastas da prefeitura de Porto Alegre que sofreram modificações, três tiveram três diferentes secretários em dois anos. São elas as áreas de Planejamento e Gestão, Desenvolvimento Econômico, e Desenvolvimento Social e Esporte.
 
A Secretaria Municipal de Planejamento e Gestão iniciou o governo comandada por José Alfredo Parode, que pediu exoneração em abril de 2018. No lugar dele, assumiu Paulo de Tarso, que se demitiu seis meses depois. Agora, quem assume é Juliana Garcia de Castro.
 
Ricardo Gomes (PP), vereador de Porto Alegre, iniciou a gestão Marchezan à frente da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e retornou à Câmara Municipal após divergência com o prefeito no projeto que revisa a planta de valores do Imposto sobre propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU). Em agosto de 2017, Leandro de Lemos assumiu o posto deixado por Gomes. Em novembro do ano passado, a prefeitura anunciou que a pasta seria comandada por Eduardo Cidade, empossado ontem.
 
Em outubro de 2017, Maria de Fátima Paludo, até então secretária de Desenvolvimento Social e Esporte, pediu exoneração. Denise Russo ocupou o cargo até a vereadora Comandante Nádia (MDB) ser chamada por Marchezan e oficializada ontem.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia