Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 04 de janeiro de 2019.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

prefeitura de porto alegre

Alterada em 04/01 às 19h04min

Marchezan assina contrato para obras de reassentamento de famílias da avenida Tronco

Porto Alegre, RS 04/01/2019: O prefeito Nelson Marchezan Júnior assinou nesta sexta-feira (4), durante cerimônia realizada no Salão Nobre do Paço dos Açorianos, o contrato com a Caixa Econômica Federal para o Minha Casa Minha Vida PAC Vinculado, que libera os recursos a serem utilizados na construção de três empreendimentos. As obras são destinadas ao reassentamento das famílias que optaram pelo aluguel social, na primeira etapa da obra da avenida Tronco. O investimento é de  R$ 31,3 milhões e serão construídas 356 unidades em três condomínios. Foto: Eduardo Beleske/PMPA

Porto Alegre, RS 04/01/2019: O prefeito Nelson Marchezan Júnior assinou nesta sexta-feira (4), durante cerimônia realizada no Salão Nobre do Paço dos Açorianos, o contrato com a Caixa Econômica Federal para o Minha Casa Minha Vida PAC Vinculado, que libera os recursos a serem utilizados na construção de três empreendimentos. As obras são destinadas ao reassentamento das famílias que optaram pelo aluguel social, na primeira etapa da obra da avenida Tronco. O investimento é de R$ 31,3 milhões e serão construídas 356 unidades em três condomínios. Foto: Eduardo Beleske/PMPA


EDUARDO BELESKE/PMPA/JC
Nesta sexta-feira (4), o prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Júnior, assinou o contrato com a Caixa Econômica Federal a liberação da quantia de R$ 31,3 milhões para a construção dos três empreendimentos imobiliários destinados ao reassentamento das 1.469 famílias que optaram pelo aluguel social na primeira etapa do conjunto de obras de mobilidade urbana na avenida Tronco.
Ao todo serão construídas 356 moradias, distribuídas em três condomínios. A previsão é que sejam concluídas em um período de 18 a 24 meses.
Marchezan lembra que o projeto da Tronco é uma iniciativa da gestão anterior e que teve sequência em seu governo. “Estamos felizes com a questão habitacional e com as melhorias em infraestrutura. Fará com que nossa cidade esteja mais apta para receber novos investimentos e gerar empregos”, disse.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia