Porto Alegre, domingo, 02 de agosto de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
domingo, 02 de agosto de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

novo governo

- Publicada em 05h27min, 03/01/2019.

Vélez Rodríguez exalta igreja e diz que Ministério da Educação combaterá marxismo cultural

Ao tomar posse ontem como ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez exaltou a família, a igreja e os valores tradicionais, e disse que a pasta vai "combater com denodo o marxismo cultural" na educação.
Ao tomar posse ontem como ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez exaltou a família, a igreja e os valores tradicionais, e disse que a pasta vai "combater com denodo o marxismo cultural" na educação.
 
Falou do orgulho de ter em sua equipe pessoas influenciadas pelos escritores Olavo de Carvalho, guru da direita e quem o indicou ao presidente Jair Bolsonaro (PSL), e Antonio Paim. Não citou nenhum educador.
 
Rodriguez disse que o ministério vai priorizar a educação básica, sobretudo a alfabetização, mas não deu detalhes sobre como fazer isso - a não ser ao investir no argumento de que a suposta ideologização de esquerda seria a raiz dos problemas da área. Apesar de acusar professores de doutrinação, disse que o governo vai trabalhar pela valorização da categoria.
 
Sobre ensino superior, Rodríguez disse que vai cobrar mais qualidade das faculdades particulares e que o Ministério da Educação vai ser vigilante com empresas educacionais que contam com fundos estrangeiros de investimento.
Comentários CORRIGIR TEXTO