Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 14 de setembro de 2018.
Aniversário da cidade de Viamão.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

eleições 2018

Edição impressa de 14/09/2018. Alterada em 13/09 às 22h28min

Ibope traz Sartori e Leite com empate técnico

A terceira pesquisa Ibope que analisa a corrida ao governo do Rio Grande do Sul, divulgada na noite desta quinta-feira pela RBS TV, traz o atual governador do Estado, José Ivo Sartori (MDB) e o ex-prefeito de Pelotas Eduardo Leite (PSDB) em empate técnico na disputa ao Piratini.
Enquanto o emedebista tem 29% das intenções de voto, o tucano apresenta 25%. O empate é devido à margem de erro da pesquisa, 3 pontos para mais ou para menos. Em comparação ao último levantamento, de 6 de setembro, Sartori teve um crescimento de quatro pontos percentuais.
Na primeira pesquisa, em 17 de agosto, Sartori tinha 19%. Já Leite, na sondagem mais recente, 18% e, na primeira delas, 8% das intenções. Até agora, o tucano teve o maior crescimento, 17 pontos.
Em terceiro, aparece Miguel Rossetto (PT), com 12%, apresentando uma queda de 2 pontos percentuais: em 6 de setembro, o petista tinha 14% e estava empatado tecnicamente com Leite. Jairo Jorge (PDT) tem 7% das intenções de voto, tendo caído um ponto percentual em relação a 6 de setembro. Em agosto, o pedetista tinha 6% das intenções de voto.
Júlio Flores (PSTU), que começou com 4%, caiu para 1% das intenções de voto nesta quinta-feira. Mateus Bandeira (Novo) apresenta 1%, assim como Roberto Robaina (PSOL). Ambos tinham 2% das intenções de voto nas duas pesquisas anteriores. Paulo de Oliveira Medeiros (PCO), que não tinha sido incluído na primeira consulta, não pontuou nas duas sondagens mais recentes.
Os votos brancos e nulos são 13% e os eleitores que não sabem ou não responderam, 11%
No 2º turno, o cenário que traz Leite e Sartori teria empate técnico: o tucano tem 38% das intenções de voto contra 37% do emedebista; em disputa entre Sartori e Rossetto, o governador venceria com 43% contra 38% do petista. Entre Leite e Rossetto, os percentuais seriam de, respectivamente, 45% e 24%.
O levantamento também analisou o índice de rejeição dos candidatos ao Piratini, com Sartori caindo de 44%, na primeira sondagem em agosto, para 31% agora, sendo o candidato com maior rejeição entre o eleitorado. O segundo candidato com maior índice é Rossetto, com 14% e crescimento de 2 pontos desde agosto. Jairo Jorge tem 8% de rejeição e Eduardo Leite, 7%.
A pesquisa tem margem de erro de três pontos porcentuais para mais ou para menos e nível de confiança de 95%. Responderam à pesquisa 1.204 eleitores entre os dias 7 e 13 de setembro. O levantamento está registrado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob o protocolo RS-04827/2018 e foi encomendado pela RBS TV.
JC
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Roger dutra 14/09/2018 00h31min
Pesquisa fake, um semianalfabeto e um fraudador de exames de câncer e réu.