Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 13 de junho de 2018.
Dia do Turismo / Turista.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

investigação

Alterada em 13/06 às 08h27min

Vice-prefeito de Agudo é preso pela Polícia Civil em ação contra fraudes na prefeitura

Operação investiga uma organização criminosa que atuava na prefeitura do município

Operação investiga uma organização criminosa que atuava na prefeitura do município


polícia civil rs/divulgação/jc
O vice-prefeito de Agudo, Moises Kilian (MDB), foi preso pela Polícia Civil na manhã desta quarta-feira (13) em operação para desarticular uma organização criminosa que atuava na prefeitura do município da região Central do Estado. A operação, batizada Fogo Fátuo, investiga os crimes de corrupção ativa e passiva, peculato, fraudes licitatórias, organização criminosa e lavagem de dinheiro.
De acordo com a polícia, estão sendo cumpridos 35 mandados de busca, quatro mandados de prisão, sendo uma delas do vice-prefeito, nove ordens judiciais de bloqueio de ativos, e indisponibilidade de bens nas cidades de Agudo, Santa Maria, Cachoeira do Sul, Canoas e Porto Alegre.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia