Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 26 de julho de 2020.
Dia dos Avós.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
domingo, 26 de julho de 2020.

Opinião

Compartilhar

artigos

- Publicada em 03h00min, 13/09/2019. Atualizada em 03h00min, 13/09/2019.

Comunidades inovadoras redesenham o RS

Danillo Sciumbata
Se o Rio Grande do Sul tinha a intenção de se inserir no eixo de inovação do País, esta conquista foi definitivamente alcançada.
Se o Rio Grande do Sul tinha a intenção de se inserir no eixo de inovação do País, esta conquista foi definitivamente alcançada.
Estamos vendo tantas e importantes iniciativas nos últimos meses surgindo e se consolidando no Estado, que já estamos competindo de igual para igual com grandes centros, como São Paulo, Rio de Janeiro, Florianópolis e Recife.
Cada vez mais, vemos ambientes dedicados à economia criativa que estão 'pipocando' em diferentes municípios.
Isso sem contar Porto Alegre, que está fortalecendo o ecossistema de inovação gaúcho e beneficiando todo mundo. É preciso somar esforços entre todos os agentes deste ecossistema que busca conectar novas ideias com as oportunidades. Acreditamos ser necessária uma relação de propósito, diversidade e capacidade de realizar e empreender.
Principalmente, que os ambientes sejam pensados para inspirar a produtividade e a criatividade, promovendo a conexão entre pessoas e negócios.
A inclusão da comunidade é fundamental para a criação de um verdadeiro ecossistema empreendedor.
Por isso se torna tão importante que os hubs de inovação que surgem para alavancar a economia gaúcha sejam ambientes onde o empreendedor possa se colocar no caminho do novo.
Experimentar ideias e projetos, conectar-se com parceiros que favoreçam oportunidades por meio de encontros espontâneos e compartilhar o que têm de melhor.
São ambientes perfeitos para estimular bons negócios, espaços que respiram colaboração e protagonismo, que geram informação e fomentam um mundo corporativo diferenciado.
O objetivo é trocar experiências e compartilhar conhecimentos valiosos, capazes de fazer ideias de novos negócios saírem do papel e startups decolarem.
Nesse novo cenário, a gestão empresarial e as relações de trabalho, foram ressignificadas: uma startup quer ter a oportunidade de se conectar com uma grande empresa, e uma empresa quer saber como o seu negócio pode se beneficiar do contato com o ecossistema de startups para agregar valor ao que já fazem.
Este é o novo jeito de se trabalhar!
Empreendedor
 
Comentários CORRIGIR TEXTO