Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 01 de agosto de 2019.

Jornal do Comércio

Opinião

COMENTAR | CORRIGIR

artigos

Edição impressa de 01/08/2019. Alterada em 01/08 às 03h00min

Ordem e progresso a serviço de um novo Brasil

Eduardo Fernandez
Como já era previsto, o ano de 2019 vem nos apresentando uma série de mudanças das quais o nosso País necessitava há anos. O governo atual vem tocando em pontos nevrálgicos e extremamente importantes para o desenvolvimento do Brasil, a nos apresentar um cenário mais claro e positivo, principalmente para quem pretende empreender e investir. Nos vemos diante de um novo ciclo na esfera política nacional, talvez o mais importante e significativo da nossa história, cara a cara com a possibilidade de deixarmos um legado de prosperidade para as próximas gerações.
Como já era previsto, o ano de 2019 vem nos apresentando uma série de mudanças das quais o nosso País necessitava há anos. O governo atual vem tocando em pontos nevrálgicos e extremamente importantes para o desenvolvimento do Brasil, a nos apresentar um cenário mais claro e positivo, principalmente para quem pretende empreender e investir. Nos vemos diante de um novo ciclo na esfera política nacional, talvez o mais importante e significativo da nossa história, cara a cara com a possibilidade de deixarmos um legado de prosperidade para as próximas gerações.
Estamos próximos da aprovação de uma reforma da Previdência que visa corrigir distorções que estão destruindo a capacidade de investimento e crescimento do País, além da medida provisória da Liberdade Econômica, que visa trazer uma série de dispositivos que tornem o ambiente de quem aqui quer empreender mais ágil, menos burocrático e mais competitivo.
É necessário que sigamos o processo de aperfeiçoamento, focando em termos como digitalização, desestatização e desburocratização de processos para que possamos prosperar em todas as searas. O Brasil vive, há décadas, em um sistema que nos atrasa e torna os processos morosos e demorados, brecando aqueles que possuem interesse em alavancar o País, gerar renda, empregos e desenvolvimento.
O futuro do País passa, impreterivelmente, por uma gestão mais eficiente, menos burocrática e com foco total no progresso. Sendo assim, um ponto primordial é a livre iniciativa, que proporciona uma liberdade maior do indivíduo, oportunizando que possa fazer suas próprias escolhas e decisões. Este modelo de gestão oferece vantagens fundamentais, melhorando a vida de todos, da área rural, industrial e serviços, chegando até o consumidor final.
É latente a necessidade de voltarmos a gerar desenvolvimento, mas para isso teremos que estar todos alinhados, Executivo, Legislativo, Judiciário, entidades empresariais, sociedade civil organizada e nós, cidadãos, cada um fazendo a sua parte para que as melhorias aconteçam. Sonho com o dia que tenhamos novamente uma nação forte, pujante e que nos resgate o pleno orgulho de sermos brasileiros, pertencendo a uma pátria que só gera desenvolvimento. Vamos juntos remar na mesma direção para um futuro melhor?
Presidente do LIDE-RS (Grupo de Líderes Empresariais do Rio Grande do Sul)
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia