Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 15 de abril de 2019.
Dia Nacional da Conservação do Solo. Dia Mundial do Desenhista.

Jornal do Comércio

Opinião

COMENTAR | CORRIGIR

artigo

15/04/2019 - 03h00min. Alterada em 15/04 às 03h00min

Industrialização é a saída

Hernane Cauduro
O fraco desempenho da economia gaúcha nos últimos anos tem como uma de suas causas o quadro recessivo nacional provocado por políticas governamentais no mínimo equivocadas. Mas é igualmente verdadeiro que fatores locais também contribuem decisivamente para esta triste realidade. Tanto que outros estados vêm tomando a dianteira no ranking do desenvolvimento, como Santa Catarina e Paraná, para citar dois exemplos muito próximos de nós.
Por mais que se fique na expectativa de uma recuperação das taxas de crescimento que venham a ser viabilizadas pelo processo de reformas estruturais em curso no Congresso, é preciso que façamos a lição de casa, com prioridade para o saneamento das contas públicas do Rio Grande do Sul, possibilitando, assim, o atendimento de demandas básicas nas áreas de saúde, educação, segurança e infraestrutura, e logística. Ao mesmo tempo, impõe-se a adoção de uma vigorosa política de industrialização do Estado, tendo em vista a importância do setor na agregação de valor no contexto da economia. Para cada R$ 1,00 produzido na indústria, são gerados R$ 2,32 na economia, enquanto, na agricultura, a relação é de R$ 1,67 e, no comércio e serviços, é de R$ 1,57.
Por isso, é altamente oportuna a iniciativa da Assembleia Legislativa, através do deputado Fábio Branco (MDB) no sentido da criação da Frente Parlamentar da Indústria Gaúcha, cujo lançamento ocorrerá hoje, dia 15 de abril. Será instituído, assim, um fórum permanente de interlocução entre a atividade produtiva e o Legislativo possibilitando, juntamente com o Poder Executivo, o alinhamento de ações capazes de agilizar a efetiva industrialização do Estado.
Vice-presidente da Abimaq-RS
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia