Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

COMENTAR |
MUNICÍPIOS Notícia da edição impressa de 09/05/2022. Alterada em 09/05 às 03h00min

Caxias do Sul reduz tributos para empresas de tecnologia

O prefeito de Caxias do Sul, Adiló Didomenico, sancionou uma lei complementar com benefícios a setores do município. A primeira reduz pela metade a alíquota do ISSQN (Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza) para empresas de informática e congêneres, que passam a pagar 2%. Anteriormente, a alíquota era de 4%.

O chefe de Executivo assinalou que, diante do quadro financeiro da prefeitura, que iniciou o ano com estimativa de prejuízo de R$ 166 milhões, a tendência de qualquer gestor público é de elevar a carga tributária. No entanto, na busca da retomada da confiança dos empreendedores, optou pela redução. "É uma demonstração de que queremos ajudar e colaborar com as empresas. É uma medida moderna e arrojada, que teve a compreensão de 16 vereadores", manifestou. Ele sancionou, também, a criação de um programa de remuneração por aumento de produtividade para os auditores-fiscais da Secretaria da Receita

O secretário da Receita, Roneide Dornelles, disse que a redução vai impulsionar um programa moderno e sofisticado em termos de tecnologia, que era demandado há 20 anos pelo setor. "Os dois projetos lançam Caxias do Sul na direção da eficiência do sistema tributário a partir de medidas sistemáticas de redução dos impostos. Adam Ismitch, ao tratar do Princípio da Economia, já dizia que todo o imposto deve ser arrecadado de forma que se retire da mão dos contribuintes o mínimo necessário para que o Estado cumpra com suas obrigações", reforçou.

Comentários CORRIGIR TEXTO
CONTEÚDO PUBLICITÁRIO