Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

COMENTAR |
RODOVIAS Notícia da edição impressa de 03/05/2022. Alterada em 03/05 às 03h00min

Ponte sobre o arroio Bossoroca, na BR-290, volta a ser interditada

No segundo semestre do ano passado, estrutura passou por obras

No segundo semestre do ano passado, estrutura passou por obras


/DNIT/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Após vistoria na ponte sobre o arroio Bossoroca, localizada no km 353 da BR-290, próxima ao município de Vila Nova do Sul, que foi interditada para veículos pesados na sexta-feira (29), técnicos do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) definiram os serviços a serem executados no local. Como não houve danos à estrutura e fundações, a solução indicada foi a recolocação da parte do escoramento que tombou em função das chuvas que atingiram a região.

A ponte já havia sido bloqueada, no ano passado, por conta de obras envolvendo a estrutura. Por dois meses, a passagem só foi liberada para veículos leves, com trânsito retomado em outubro.

Para realização desses serviços, serão necessários ao menos oito dias de trabalho após o término das chuvas e a baixa do nível do rio. A previsão do início dos trabalhos é na quarta-feira (4), com término ocorrendo uma semana depois, desde que as condições climáticas sejam favoráveis. Até a conclusão dos serviços, a ponte poderá operar apenas com tráfego de veículos leves, em meia pista, orientado por um semáforo.

Estão sinalizados com placas indicativas os principais acessos ao trecho interditado e antes dos entroncamentos das rotas alternativas, nos entroncamentos em Rosário do Sul, em Santana do Livramento/Dom Pedrito e em São Sepé. Até a conclusão dos trabalhos, o Dnit sugere como rota alternativa para quem se desloca no sentido Porto Alegre-Uruguaiana e vice-versa usar o trecho que passa por Santa Maria. Outra opção são as BR-153, BR-293 e BR-158, via municípios de Caçapava do Sul, Bagé e Dom Pedrito até o retorno à BR-290.

Caminhoneiros que se deslocam de Uruguaiana em direção ao Porto de Rio Grande devem seguir pelas BR-158, BR-293 e BR-392. O Dnit alerta que a sinalização das interdições foi reforçada em todos os municípios da região e que não será permitido, em nenhuma hipótese, o tráfego de caminhões e ônibus na ponte sobre o arroio Bossoroca.

Comentários CORRIGIR TEXTO
CONTEÚDO PUBLICITÁRIO