Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

COMENTAR |
SAÚDE Notícia da edição impressa de 26/11/2021. Alterada em 26/11 às 03h00min

Projeto identifica problemas de visão em alunos de Lajeado

Com o objetivo de identificar dificuldades oftalmológicas precoces e disponibilizar tratamento adequado, a secretaria da Saúde de Lajeado desenvolveu o projeto De Olho no Futuro. A iniciativa atua para examinar crianças de 5 a 7 anos que estejam apresentando dificuldade visual e disponibilizar o tratamento adequado de forma gratuita.

O projeto iniciou com a procura por médicos oftalmologistas e óticas parceiras que aceitaram fazer os exames e tratamento das crianças de forma voluntária. No total, nove médicos e quatro óticas concordaram com a parceria. A triagem das crianças é feita nas próprias escolas municipais, com o auxílio da coordenadora pedagógica e da professora, que identificam os alunos com algum sintoma de problema de visão. Em quatro escolas municipais, uma das óticas realizou a triagem com um aparelho específico para identificar problemas de visão.

A diretora da escola que recebeu o projeto inicialmente, Daniela Rockenbach, destacou a importância desses projetos, uma vez que a escola é um dos lugares em que os alunos têm relatos de forçarem a visão. "Identificar problemas logo cedo é muito importante, porque nestas idades as crianças estão na fase da alfabetização e o desempenho depende ainda mais da visão. A atuação dos professores nesse projeto também faz diferença, já que são eles que percebem quando um aluno está com dificuldades na sala de aula, em enxergar o quadro, fazer trocas ortográficas ou não identificar os sinais. Ficamos felizes de poder proporcionar isso para os nossos alunos - falou Daniela.

Os alunos que apresentam alguma dificuldade ao longo das avaliações que serão realizadas nas escolas são encaminhados para uma consulta detalhada com os médicos oftalmologistas parceiros do projeto para o diagnóstico de dificuldades e indicar o tratamento. Em casos de crianças com necessidade de utilizar óculos de grau, será feita a avaliação e o óculos de forma gratuita.

Comentários CORRIGIR TEXTO
CONTEÚDO PUBLICITÁRIO
Av. João Pessoa, 1282 - Farroupilha
Porto Alegre - RS - CEP 90040-001
Fone (51) 3213.1300