Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

COMENTAR |
SAÚDE Notícia da edição impressa de 24/11/2021. Alterada em 29/11 às 03h00min

Verba adicional faz hospital de Gravataí criar mutirões

Contando com R$ 5,6 milhões a mais no orçamento anual devido ao programa Assistir, o Hospital Dom João Becker, em Gravataí, já beneficiou cerca de 100 adultos e crianças com cirurgias gerais e consultas oftalmológicas desde setembro, quando a instituição passou a receber o acréscimo no incentivo estadual. A instituição, que integra o complexo da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre, recebia um incentivo estadual anual de R$ 2 milhões. A partir da nova divisão de recursos do Tesouro do Estado para os hospitais gaúchos que prestam atendimento pelo Sistema Único de Saúde (SUS), esse montante passou a ser de R$ 7,8 milhões.

De acordo com o superintendente do hospital, Antonio Carlos Weston, os recursos proporcionaram a oferta de mutirões de cirurgias e consultas especializadas, diminuindo a fila de espera dos pacientes da região. Até o momento, foram realizados dois mutirões de cirurgia geral, em especial para a retirada de hérnia inguinal, e um mutirão de consultas de oftalmologia pediátrica. No total, cerca de 100 pacientes receberam o atendimento, com consultas prévias, realização de exames, operação e consultas posteriores.

Os mutirões serão estendidos para as demais especialidades incentivadas pelo programa estadual algumas delas com uma enorme demanda reprimida na região, de acordo com Weston, como urologia e traumatologia, permitindo ampliar a quantidade de atendimentos aos usuários do SUS. "Gravataí é uma cidade muito populosa e realmente havia uma carência no que diz respeito a dar atendimento ao volume de pacientes", completou. Para dezembro, está programado um novo mutirão da área de cirurgia geral.

O Dom João Becker possui porta de entrada de urgência e emergência para uma população de 2,3 milhões de pessoas. O hospital atende aos moradores de Glorinha e de Gravataí nos ambulatórios de traumatologia, cirurgia geral, cirurgia torácica, plantão presencial de neurologia e traumatologia, maternidade de risco habitual e oito leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) e Unidade de Cuidados Intermediários (UCI).

Comentários CORRIGIR TEXTO
CONTEÚDO PUBLICITÁRIO
Av. João Pessoa, 1282 - Farroupilha
Porto Alegre - RS - CEP 90040-001
Fone (51) 3213.1300