Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

COMENTAR |
CONJUNTURA Notícia da edição impressa de 15/10/2021. Alterada em 15/10 às 03h00min

Caxias do Sul teve forte queda na atividade econômica de agosto

Setor de Serviços, com redução de 26,9%, impactou no resultado final

Setor de Serviços, com redução de 26,9%, impactou no resultado final


/LUIZA PRADO/JC

O mês de agosto registrou queda de 6,8% na atividade econômica de Caxias do Sul em comparação com julho, bastante influenciado pelos Serviços, que teve desempenho negativo de 26,9%. Os demais setores da economia local apresentaram crescimento positivo em agosto em relação ao mês anterior. Os dados foram apresentados em evento da Câmara de Indústria, Comércio e Serviços de Caxias do Sul (CIC Caxias), em parceria com a Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL).

A economia local chegou a agosto acumulando um crescimento de 6,9% em 2021. Na comparação com o mesmo mês de 2020, a alta é de 0,2%, enquanto nos últimos 12 meses, o índice de crescimento chegou a 2,3%.

Na análise por setor, a indústria registrou alta de 1,6% na comparação entre agosto e julho. O comércio cresceu registrou alta de 1,8% se comparado com o seu desempenho no mês anterior. Já o setor de serviços apresentou queda de 26,9% em agosto em relação a julho. Em relação a agosto do ano passado, a indústria teve crescimento de 14,7%, mas comércio e serviços não conseguiram sair do negativo. "O índice de 14% é um excelente crescimento, porque a base de agosto do ano passado já era bastante robusta", disse a diretoria de Economia, Finanças e Estatística da CIC Caxias, Maria Carolina Gullo.

Em relação aos postos de trabalho, em agosto houve 6.753 admissões e 6.071 demissões em Caxias do Sul, resultando na geração de 682 empregos formais. Os serviços e a indústria foram os setores que mais abriram empregos no mês de agosto. Desta forma, Caxias do Sul conta com um estoque de 155.536 empregos. No acumulado do ano, Caxias registra a criação de 7.495 empregos. 

Apesar do número ruim, para o diretor de Economia, Finanças e Estatística da CIC Caxias, Astor Schmitt, a economia de Caxias do Sul está em franca recuperação. "Tudo indica que isso vai continuar. Acreditamos que a economia caxiense mostrará um bom nível de recuperação neste ano, podendo atingir um crescimento de aproximadamente 5%", estimou Schmitt.

Comentários CORRIGIR TEXTO
CONTEÚDO PUBLICITÁRIO
Av. João Pessoa, 1282 - Farroupilha
Porto Alegre - RS - CEP 90040-001
Fone (51) 3213.1300