Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

COMENTAR |
PATRIMÔNIO Notícia da edição impressa de 03/09/2021. Alterada em 03/09 às 03h00min

Rio Grande cadastra projetos em iniciativa do BNDES

A cidade do Rio Grande ingressou no projeto Resgatando a História, capitaneada pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), que vai selecionar projetos para recuperação do patrimônio histórico de vários municípios brasileiros. Caso a cidades tenha seus projetos selecionados em todas as três categorias - patrimônio material, imaterial e acervos memoriais -, serão contemplados o Largo Dr. Pio e a Catedral de São Pedro, todos os acervos históricos (Pinacoteca, Fototeca, Arquivo Histórico e o Acervo Arqueológico, incluindo a modernização do Centro Municipal de Cultura) e o Cassino dos Mestres, no Complexo Rheigantz, assim como o inventário de todos os prédios históricos da cidade.

Os resultados da Chamada Pública serão divulgados no site do BNDES. a partir de 1º de dezembro. Todos os projetos apresentados por Rio Grande foram propostos pela Associação dos Amigos do Centro Municipal da Cultura. Conforme explica o titular da secretaria da Cultura, Esporte e Lazer, Henrique Drevnovicz, havia a obrigatoriedade de que as propostas fossem feitas por uma entidade sem fins lucrativos.

Para garantir os recursos dessa Chamada Pública, Rio Grande deve dar uma contrapartida de 35%, divididos em duas parcelas. Os outros 65% virão do BNDES e dos parceiros fundadores do projeto Resgatando a História. Essa proposta é considerada inovadora pelo banco de fomento e tem por objetivo despertar o interesse e formar parcerias com a iniciativa privada para o apoio financeiro à recuperação do patrimônio histórico brasileiro, alavancando o poder de impacto e transformação na sociedade.

Comentários CORRIGIR TEXTO
CONTEÚDO PUBLICITÁRIO
Av. João Pessoa, 1282 - Farroupilha
Porto Alegre - RS - CEP 90040-001
Fone (51) 3213.1300