Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

COMENTAR |
AGRONEGÓCIO Notícia da edição impressa de 12/04/2021. Alterada em 12/04 às 03h00min

Agroindústrias de Bento Gonçalves recebem auxílio para a rotulagem de produtos

Intenção é que haja um maior qualidade nas informações aos clientes

Intenção é que haja um maior qualidade nas informações aos clientes


/Rodrigo De Marco/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Um projeto em Bento Gonçalves está ajudando as agroindústrias municipais com a rotulagem dos produtos. A iniciativa está sendo realizado em parceria com a secretaria de Desenvolvimento da Agricultura de Bento, juntamente com a Emater/Ascar, além de estudante do Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS)

O projeto é coordenado pela professora Lucia de Moraes Batista. "Foram analisados 163 rótulos, destes 35 de produtos farináceos, 104 de doces, geleias e conservas, dois de ovos, quatro de vegetais e minimamente processados, 16 de vinhos e dois de suco de uva. No ano de 2021 pretende-se contemplar mais 10 agroindústrias, cinco da área farináceos, três de doces e geleias e dois de vinhos coloniais", destaca.

De acordo com a educadora, o projeto se diferencia tanto no tocante à formação dos alunos do curso de tecnologia de alimentos do IFRS, do Campus de Bento Gonçalves, quanto na adequação dos rótulos das agroindústrias, onde as sugestões são repassadas a seus representantes. No que tange na continuação da formação dos alunos, a mesma se verifica através das reuniões online que são realizadas periodicamente.

"Nessas reuniões tópicos específicos das legislações ou de algum rótulo em análise são estudados e debatidos, norteando os pareceres de cada rótulo. A importância desse projeto pode ser evidenciada em diferentes contextos. Um deles é possibilitar vivências e experiências que extrapolam o âmbito da sala de aula, se configurando como diferencial na formação dos alunos da Tecnologia e Alimentos", destaca.

Bento Gonçalves é a cidade com o maior número de agroindústrias no Rio Grande do Sul, com um total de 36 inscritas. O médico veterinário e coordenador do Serviço de Inspeção Municipal, da secretaria da Agricultura, Cristiano Selbach, destaca sobre a importância do projeto. "O projeto significa para as agroindústrias um adendo na qualidade de seu produto, não qualidade intrínseca do produto, mas sim na forma de apresentação e como é levado ao consumidor, que cada dia está mais exigente e procurando produtos com qualidade e que respeite as normas. Esse consumidor vai conseguir visualizar na rotulagem dos produtos dos estabelecimentos que já foram contemplados no projeto todas as informações necessárias para o consumo daquele produto", destaca.

As agroindústrias contempladas no projeto são: Rossi Produtos Caseiros, Janete Produtos Coloniais, Agroindústria Familiar Gemille, Ovos Polônia, Nossa Horta, Piccola Cantina, Vinhos Porão do Vale, Vinhos Speranza, Geleias Ivani, Casa Rebello e Casa da Serra. A proposta do grupo de trabalho é que após o encerramento com a entrega de todos os resultados o projeto tenha continuidade, beneficiando outras agroindústrias do município.

Comentários CORRIGIR TEXTO
Av. João Pessoa, 1282 - Farroupilha
Porto Alegre - RS - CEP 90040-001
Fone (51) 3213.1300