Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

COMENTAR |
CORONAVÍRUS Notícia da edição impressa de 23/02/2021. Alterada em 23/02 às 14h04min

Em bandeira preta, São Leopoldo decide não fazer lockdown

Ary Vanazzi deve propor toque de recolher na cidade a partir das 20h

Ary Vanazzi deve propor toque de recolher na cidade a partir das 20h


/Prefeitura de São Leopoldo/Divulgação/JC
Após reunião ao longo da tarde desta segunda-feira com o Comitê Municipal de Atenção ao Coronavírus, o prefeito de São Leopoldo, Ary Vanazzi, recuou da possibilidade de estabelecer um lockdown, ou seja, fechamento da cidade, pelo período de sete dias. A possibilidade foi aventada no fim de semana, após a cidade ser classificada com a bandeira preta, de altíssimo risco para a transmissão do coronavírus, no distanciamento controlado do Estado.
No entanto, ainda que o governador Eduardo Leite tenha mantido a cogestão, que permitiria a cidade ter protocolos de bandeira vermelha, Vanazzi preferiu acatar a classificação inicial e adotar medidas mais rígidas. Uma nova reunião será feita nesta terça-feira, e há a possibilidade de um toque de recolher ser instaurado a partir das 20h.
"Estamos dando um tempo para a cidade ir se preparando", disse o prefeito. Segundo Vanazzi, o quadro se agravou na região nos últimos dias e o começo da vacinação deu a impressão de que as coisas estavam normais. Segundo o secretário da Saúde, Marcel Frison, a pesquisa sobre a carga viral no esgoto da cidade mostrou a ampliação da circulação do vírus e indica uma possibilidade maior de pessoas assintomáticas. "Isso está se refletindo no sistema agora", explicou. 
Na tarde desta segunda-feira, a direção do Hospital Centenário comunicou que a UTI Covid está operando com capacidade máxima. Os 18 leitos da unidade estão ocupados por pacientes do município e cidades vizinhas. Com o quadro, foi emitido um alerta para um colapso nos atendimentos diante do aumento de casos nos últimos dias, com o reforço na importância do distanciamento e do cumprimento das orientações sanitárias.
Comentários CORRIGIR TEXTO
Av. João Pessoa, 1282 - Farroupilha
Porto Alegre - RS - CEP 90040-001
Fone (51) 3213.1300