Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

COMENTAR |
CORONAVÍRUS Notícia da edição impressa de 22/02/2021. Alterada em 22/02 às 03h00min

Piora no quadro da pandemia faz Lajeado acender alerta

O aumento do número de casos ativos da Covid-19 em Lajeado levou a Prefeitura de Lajeado a intensificar a fiscalização. O foco será nas aglomerações e o respeito aos decretos estaduais e municipais acerca do funcionamento dos estabelecimentos. No dia 18/02, o município atingiu 526 casos ativos da doença, o maior número desde o início da pandemia, em março do ano passado.

Além disso, houve um aumento da procura por atendimento médico nos postos de saúde, UPA e Hospital Bruno Born. Por isso, as forças de segurança vão verificar se os estabelecimentos estão cumprindo o horário de funcionamento, o distanciamento, as regras sanitárias, o uso de máscara e demais protocolos obrigatórios. O município também aguarda o mapa definitivo do governo estadual acerca do distanciamento controlado, a fim de verificar a bandeira vigente na região esta semana.

Os estabelecimentos que forem flagrados funcionando fora do horário ou das regras serão registrados pela equipe de fiscalização e, na próxima semana, serão punidos com a suspensão do alvará, o que impedirá o funcionamento do local por pelo menos 7 dias. "Vamos ser rigorosos na fiscalização e na suspensão dos alvarás, se for o caso. Novamente, precisamos da colaboração de toda a comunidade para respeitar as regras para evitarmos o aumento do número de casos e podermos atender a todos na rede de saúde. Queremos evitar o fechamento de estabelecimentos porque sempre defendemos o direito ao trabalho, mas precisamos que as regras sejam cumpridas. Se não houver compreensão da gravidade do momento, medidas mais duras serão inevitáveis", disse o prefeito Marcelo Caumo.

Comentários CORRIGIR TEXTO
Av. João Pessoa, 1282 - Farroupilha
Porto Alegre - RS - CEP 90040-001
Fone (51) 3213.1300