Natal e vindima geram expectativa por retomada na serra gaúcha - Jornal Cidades
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

COMENTAR |
TURISMO Notícia da edição impressa de 16/10/2020. Alterada em 16/10 às 03h00min

Natal e vindima geram expectativa por retomada na serra gaúcha

Projeção é de aumento na circulação de turistas na alta temporada da região, que vai de novembro a março

Projeção é de aumento na circulação de turistas na alta temporada da região, que vai de novembro a março


/PREFEITURA DE BENTO GON/DIVULGAÇÃO/JC

O ano de 2020 começou com a projeção de um bom ano para o setor de turismo da serra gaúcha. Porém, o impacto da pandemia afetou diretamente o segmento. Na Região Uva e Vinho a expectativa de recuperação está na alta temporada provocada pelo período do Natal, e depois com a época da vindima (colheita das uvas).

A projeção é de que a alta temporada, nos meses de novembro e dezembro, e também a época da vindima, entre janeiro e março de 2021, amplie o fluxo de turistas circulando na região.  "Vamos realizar a 10ª edição do Natal Sobre Trilhos, um dos passeios especiais que temos a bordo do nosso trem. São viagens noturnas, com atrações diferentes das habituais, onde nosso objetivo é trabalhar a memória afetiva do passageiro e para trazer o verdadeiro significado do Natal" explica Andréia Zucchi, diretora-executiva da Giordani Turismo e Eventos

Outro período que ano a ano vem registrando crescimento no número de visitantes, em Bento Gonçalves e cidades próximas, é o da vindima, época de colheita das uvas, que ocorre de janeiro a março. "Como vemos em diferentes estudos, passeios ao ar livre são a tendência do turismo neste momento. Apostamos nos roteiros de vindima pois além do contato com a natureza os passeios oferecem o que chamamos de turismo de experiência, onde o visitante não apenas percorre os locais, mas participa do processo, podendo colher a uva direto no parreiral e até participar da tradicional pisa, em barris de madeira, ao som de um coral italiano", destaca Andréia.

Outro atrativo que teve mudanças foi o passeio Maria Fumaça, que depois de ficar parado por quase três meses, adaptou-se aos protocolos de segurança sanitária. Foi necessário redesenhar completamente a operação, com redução de público, sanitização periódica, readequação nas atrações culturais e artísticas, e treinamento da equipe que opera o passeio que liga as cidade de Bento Gonçalves, Garibaldi e Carlos Barbosa.

"Com a paralisação dos passeios e sem uma previsão exata de retomada chegamos a zerar o faturamento mensal", afirma Andréia Zucchi. "Não poderíamos deixar de acreditar que, mesmo sem data prevista, a retomada seria possível e que existe um trabalho consolidado ao longo de quase trinta anos de atuação", complementou. A empresa passou a ofertar passeios com valores promocionais, ampliou o parcelamento e a possibilidade de utilização dos pacotes até dezembro de 2021

Comentários CORRIGIR TEXTO
Av. João Pessoa, 1282 - Farroupilha
Porto Alegre - RS - CEP 90040-001
Fone (51) 3213.1300