Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

COMENTAR | CORRIGIR
CAXIAS DO SUL Notícia da edição impressa de 13/01/2020. Alterada em 13/01 às 03h00min

Cidade adere à Região Metropolitana da Serra Gaúcha

A prefeitura de Caxias do Sul formalizou a adesão à Região Metropolitana da Serra Gaúcha. O prefeito Flávio Cassina entregou a lei de adesão do município ao secretário estadual de Articulação e Apoio aos Municípios, Agostinho Meirelles. 

A lei que autoriza o município de Caxias do Sul a integrar a Região Metropolitana da Serra, é de autoria dos vereadores Felipe Gremelmaier e Gustavo Toigo. Gremelmaier, presente no ato, lembrou que há três anos está trabalhando pela nova legislação."Era inadmissível que a principal cidade ficasse de fora da Região Metropolitana da Serra Gaúcha e não colaborasse com os municípios vizinhos. Temos agora um fomentador de desenvolvimento conjunto nas mais variadas áreas, como abastecimento de água, infraestrutura, estradas, transportes, saúde, entre outras", declarou o vereador.

Cassina concordou que lei da Região Metropolitana está sendo trabalhada há tempos, teria sido pensada ainda na gestão do ex-prefeito José Ivo Sartori, em virtude dos índices das construções habitacionais serem muito mais baixos para uma região do que para um único município. "As coisas não acontecem como a gente gostaria. Olha quanto tempo para chegarmos até aqui. Então hoje é um momento histórico que temos para amarrarmos os acordos para que nossa região se desenvolva", destacou

Caxias do Sul foi o último município da região a aderir ao modelo que permite a elaboração de propostas em nível regional, o que pode facilitar repasse de recursos pelo governo federal e soluções conjuntas para problemas dos municípios. A lei estava no Executivo desde agosto e tinha prazo para ser encaminhada até o final de 2019, mas acabou sendo atrasada em virtude do processo de impeachment de Daniel Guerra.

COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia
Av. João Pessoa, 1282 - Farroupilha
Porto Alegre - RS - CEP 90040-001
Fone (51) 3213.1300