Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

COMENTAR | CORRIGIR
CRUZ ALTA Notícia da edição impressa de 04/12/2019. Alterada em 04/12 às 03h00min

Seminário aborda práticas que visam a eliminar planta invasora do pasto

O tour Capim-annoni Tolerância Zero começou mais um roteiro por municípios do interior do Rio Grande do Sul. O seminário chega a Cruz Alta, nesta quarta-feira, após ter passado por Cachoeira do Sul e Santa Maria. Os eventos são realizados através de parceria entre a Embrapa e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Rio Grande do Sul (Senar-RS).

 O roteiro tem o objetivo de divulgar, para produtores rurais, técnicos e estudantes, princípios e técnicas para controle correto de uma das principais plantas invasoras do Rio Grande do Sul, o capim-annoni. Durante o seminário serão abordados os seguintes temas: capim-annoni: impactos e avanço do conhecimento da espécie; introdução ao Método Integrado de Recuperação de Pastagens (Mirapasto), lançado pela Embrapa e que consiste em um conjunto de princípios para controle de plantas invasoras como o capim-annoni; controle seletivo da planta, além de apresentar formas de manter o pasto saudável e eliminar o risco de infecção.

 Em média, no Estado, as propriedades de pecuária de corte em campo nativo com alta taxa de infestação por capim-annoni conseguem ter uma produtividade média que podem variar de 44 a 78 quilos por hectare ao ano de carne, conforme a região no estado do Rio Grande do Sul. "Mas com o Mirapasto, a produtividade pode chegar a 500 kg/ha/ano, nesta área que estava tomada pelo capim-annoni", garante o pesquisador Naylor Perez.

 Conforme o técnico do Senar/RS, Pedro Faraco, o tour tem passado por diversas regiões do Estado e agora chega pela primeira vez à região central. "O annoni está em todo o Estado, então a nossa estratégia é, dentro do possível, ir visitando todas as regiões", destacou.

COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia
Av. João Pessoa, 1282 - Farroupilha
Porto Alegre - RS - CEP 90040-001
Fone (51) 3213.1300