Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

COMENTAR | CORRIGIR
CAXIAS DO SUL Notícia da edição impressa de 29/11/2019. Alterada em 02/12 às 03h00min

Aeroporto recebe chancela temporária para voos internacionais

Objetivo é facilitar a chegada de chefes de estados e representantes para a Cúpula do Mercosul, em Bento

Objetivo é facilitar a chegada de chefes de estados e representantes para a Cúpula do Mercosul, em Bento


/LEONARDO PORTELLA/DIVULGAÇÃO/CIDADES

O Aeroporto Hugo Cantergiani, em Caxias do Sul, será a referência para o embarque e o desembarque de chefes de Estado e representantes de países sul-americanos que participarão da LV Cúpula do Mercosul, agendada para 4 e 5 de dezembro, em Bento Gonçalves. Os presidentes da Argentina e do Paraguai, além da vice-presidente do Uruguai, confirmaram que chegarão ao Brasil na próxima semana pelo terminal caxiense. Para atender às operações, o local foi designado em caráter temporário como aeroporto internacional. 

Essa é a primeira vez que um aeroporto passa por um processo de internacionalização temporária. Com isso, Caxias será a única cidade, além das capitais Porto Alegre, Florianópolis e Curitiba, a estar capacitada para receber voos de outros países durante os dias do evento. De acordo com o diretor do aeroporto, Maurício Loreto D'Avila, a escolha foi oficializada após contato e vistorias de representantes do Ministério das Relações Exteriores e de estudos do órgão federal sobre a infraestrutura e a capacidade do terminal. A vigência da chancela vai até 7 de dezembro.

Como a internacionalização é temporária, o rito para a elaboração dos protocolos de atuação tiveram menos formalizações, mas que mesmo assim exigiram atenção para que os procedimentos sejam identificados e coordenados. "O foco é a segurança do viajante e de todas as pessoas responsáveis pela operação do aeroporto. Terminais internacionais possuem os protocolos de vigilância estabelecidos e, como o Hugo Cantergiani será temporariamente internacionalizado, é necessário que esse planejamento seja elaborado e possa ser plenamente executado em caso de necessidade", afirmou o especialista em regulação da Anvisa, Julio Colpo.

A elevação de status do aeroporto exigirá ações coordenadas de diferentes órgãos. Além da Anvisa, a Vigilância Sanitária e Epidemiológica, da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), também acompanharam a elaboração do plano de contingência para emergências de saúde pública. Ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) deverão ser acionadas para permanecer no aeroporto durante o embarque e desembarque das autoridades. Está previsto também que militares da Aeronáutica darão suporte aos profissionais da Estação Prestadora de Serviço de Telecomunicação e de Tráfego Aéreo (ETA), responsável pela comunicação entre o terminal e as aeronaves. Militares do 3º Grupo de Artilharia Antiaérea (GAAAe) também estarão no local durante o período.

Na segurança, a Polícia Federal concentrará as operações, tanto do terminal como de todo o sítio aeroportuário. A Brigada Militar e a Guarda Municipal apoiarão a execução das ações de proteção. Em caso de escoltas, os fiscais de trânsito do município poderão liderar o comboio das autoridades durante o deslocamento pela cidade. A estratégia que será executada é o mesma quando representantes da Presidência da República visitam a cidade, como ocorreu em fevereiro deste ano, durante a abertura da Festa da Uva, quando o vice-presidente Hamilton Mourão desembarcou em Caxias pelo Hugo Cantergiani e foi acompanhado pelos órgãos até os pavilhões do evento.

COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia
Av. João Pessoa, 1282 - Farroupilha
Porto Alegre - RS - CEP 90040-001
Fone (51) 3213.1300