Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

COMENTAR | CORRIGIR
ARROIO DO MEIO Notícia da edição impressa de 07/11/2019. Alterada em 07/11 às 03h00min

Município realiza força tarefa para recuperar estragos

A Defesa Civil de Arroio do Meio, junto com órgãos municipais atuam desde o início da semana num mutirão de enfrentamento dos estragos ocasionados pelo temporal e fortes chuvas dos últimos dias, que culminaram com uma cheia do Rio Taquari, deslizamentos, quedas de árvores, problemas na energia elétrica e nas estradas.

 De acordo com o coordenador da Defesa Civil e secretário de Obras, Paulo Heck, a equipe realizou o monitoramento do avanço das águas do Rio Taquari até 23h da terça-feira, quando oito ruas dos bairros Centro/Navegantes, Bela Vista, Cascalheira e Forqueta Baixa foram obstruídas pela enchente, com a retirada de uma família. Antes disso, a equipe atuou na sinalização de vias, evacuação de dezenas de árvores destruídas após o temporal da última semana, deslizamentos em Arroio Grande e Palmas e interlocução junto à concessionária para agilizar o reabastecimento da energia elétrica.

 Simultaneamente, iniciou-se um mutirão de melhorias das estradas e trevos, limpeza de valas, desobstrução de bueiros e limpeza das vias atingidas pela cheia. "Nos esforçamos para agilizar a execução de melhorias nas estradas gerais de Arroio Grande e Picada Arroio do Meio, Passo do Corvo, Forqueta Baixa, distritos e trevos de acesso ao longo da ERS-130", relata Heck. "Foram muitos estragos, ainda temos muito serviço pela frente nos próximos dias, quando nossa prioridade é o atendimento às demais estradas e serviços públicos", salienta o secretário de Obras. Os órgãos permanecem auxiliando os moradores e monitorando o nível do rio para, se necessário, tomarem novas providências.

COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia
Av. João Pessoa, 1282 - Farroupilha
Porto Alegre - RS - CEP 90040-001
Fone (51) 3213.1300