COMENTAR | CORRIGIR
Notícia da edição impressa de 05/12/2018. Alterada em 05/12 às 01h00min

TAQUARA: Biblioteca Comunitária Rubem Romeu Heidrich é inaugurada

Espaço está localizado em uma sala do Colégio Municipal Theóphilo Sauer

Espaço está localizado em uma sala do Colégio Municipal Theóphilo Sauer


CLEUSA SILVA/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Uma educação de qualidade, instrução formal que, no passado, foi privilégio apenas daqueles com tempo e dinheiro para investir em bons professores, sempre foi uma das grandes preocupações da administração municipal. Além de oferecer capacitações aos professores da rede municipal de ensino, o município também desenvolve projetos que possibilitem o acesso ao ensino a um número cada vez maior de crianças, jovens e adultos que não tiveram oportunidade de estudar. Dando ênfase a essa valorização da educação, o homenageado escolhido para dar nome à Biblioteca Comunitária, inaugurada no dia 28 de novembro, foi o falecido professor Rubem Romeu Heidrich.

Financiada pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (Bndes), a Biblioteca Comunitária de Taquara é um projeto desenvolvido através de uma parceria entre a administração municipal, o Grupo Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL) Energia e o Instituto Ecofuturo - organização mantida pela Suzano Papel e Celulose, e tem como objetivo a democratização do acesso aos livros, além de promover a formação de novos leitores. Durante a inauguração da Biblioteca Comunitária Municipal Rubem Romeu Heidrich - solenidade que se iniciou com a apresentação da banda marcial do Colégio Municipal Theóphilo Sauer e também contou com apresentações artísticas dos alunos das escolas de Educação Infantil Professora Vera Marks Iribarry, 17 de Abril, Calisto Eolálio Letti e do Colégio Theóphilo -, o prefeito Tito Livio Jaeger Filho explicou a escolha do nome do professor Heidrich para ser o homenageado, devido ao trabalho prestado ao município e por ser um amigo dos livros e da educação. Jaeger também falou sobre a parceria que a administração municipal mantém com a Rio Grande Energia (RGE).

"Vale lembrar que, em 2013, quando assumimos o Executivo municipal, a maior dívida do município, de mais de R$ 23 milhões, era com a RGE. E, após algumas reuniões, além de concluirmos uma negociação que nos trouxe um desconto de quase R$ 12 milhões no montante da dívida e a quitação da dívida do prédio que abriga o Posto de Saúde 24h, essa parceria tem nos proporcionado, desde então, a troca de luminárias de LED na cidade, obras nas redes elétricas do interior do município, distribuição de kits de energia solar, entre outras melhorias", comemorou o prefeito de Taquara.

Representando a diretoria da RGE, o gerente de relacionamento com o Poder Público e grupo A da RGE, Edson Severo Braz, parabenizou os 43 integrantes da banda marcial do Colégio Theóphilo Sauer pela sua apresentação e anunciou a todos que Taquara está novamente na lista das prefeituras que serão beneficiadas em 2019. "É muito importante para nós, da RGE, a inauguração da Biblioteca Comunitária de Taquara. Esse momento, que se iniciou em uma conversa nossa, em 2013, só foi possível graças a uma bela parceria que temos com a administração municipal desde então. E posso dizer, em nome da RGE, que essa parceria não acaba nessa inauguração. Temos muito mais para trazer para Taquara. Estamos aqui para tornar o município cada vez melhor e mais desenvolvido", destacou Braz.

Acervo inicial conta com mil livros

Nascido em Taquara, em 1945, Rubem Romeu Heidrich formou-se professor de geografia pelas Faculdades de Filosofia, Ciências e Letras do Centro de Ensino Unificado de Brasília/Distrito Federal. Foi professor na Fundação Educacional no Distrito Federal e Segundo Tenente do Exército, onde permaneceu até atingir o Oficialato. Em Taquara, o professor Heidrich trabalhou no Escola Dorothea Schäfke, no Colégio Santa Teresinha, foi professor e diretor na Escola Cenecista de 2º Grau Dr. Edmundo Saft, encerrando sua carreira como diretor da Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Emílio Leichtveis.

Localizada na rua João Bayer, nº 15, no bairro Petrópolis, a Biblioteca Comunitária Municipal está instalada em uma sala do Colégio Municipal Theóphilo Sauer, e seu acervo inicial de mil livros será disponibilizado para a comunidade em geral. A sala foi montada com dois computadores, impressora, software para gestão da biblioteca, equipamento de TV e Blue-Ray, além de mobiliário como mesas e cadeiras e espaço para as crianças. A administração municipal, que disponibilizou o espaço na escola da rede municipal, também cederá dois funcionários que atenderão os visitantes, além de ficar responsável pela manutenção da sala.

Antes do descerramento da fita inaugural, ocorreu ainda a entrega dos certificados aos formandos do curso de auxiliar de biblioteca, promotor de leitura, e das oficinas de natureza educadora e de gestão e sustentabilidade. Logo após a inauguração, o menino Murilo dos Santos Laude, de cinco anos, acompanhado pela sua mãe Édina Kelly dos Santos e sua irmã Sharon dos Santos Laude, conheceu o espaço destinado às crianças e, enquanto lia seu livro, nem se preocupou com o barulho da multidão ao seu redor.

Também participaram da inauguração da biblioteca o vice-prefeito, Hélio Cardoso Neto; o presidente do Legislativo, o vereador Guido Mário Prass Filho; o secretário municipal de Educação, Cultura e Esportes, Antônio Edmar Teixeira de Holanda; o pastor Valmor Haag; a presidente do Conselho Municipal de Educação, Vivian Angeli; a representante do Instituto Ecofuturo, Vanessa Espíndola; a coordenadora de projetos sociais do Instituto CPFL, Andreia Rodrigues Ferreira; a consultora de negócios da RGE, Pollyana Cunha; secretários municipais; vereadores; representantes de entidades; familiares do professor Heidrich; e a comunidade em geral.

COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia
Av. João Pessoa, 1282 - Farroupilha
Porto Alegre - RS - CEP 90040-001
Fone (51) 3213.1300