Porto Alegre, domingo, 28 de março de 2021.
Dia do Diagramador. Dia do Revisor.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
domingo, 28 de março de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Egito

- Publicada em 18h24min, 28/03/2021. Atualizada em 19h24min, 28/03/2021.

Autoridades marítimas tentam novas manobras de desencalhe de navio no Canal de Suez

Tentativa frustrada de dragagem foi realizada no sábado (27) na esperança de alargar o trecho, mas o navio Ever Given segue parado

Tentativa frustrada de dragagem foi realizada no sábado (27) na esperança de alargar o trecho, mas o navio Ever Given segue parado


Satellite image ©2021 Maxar Technologies/AFP/JC
Seis dias após um dos maiores porta-contêineres do mundo encalhar no Canal de Suez, o tráfego na região seguia engarrafado. A previsão é de as equipes que trabalham para desencalhar o navio fizessem mais duas tentativas neste domingo (28).
Seis dias após um dos maiores porta-contêineres do mundo encalhar no Canal de Suez, o tráfego na região seguia engarrafado. A previsão é de as equipes que trabalham para desencalhar o navio fizessem mais duas tentativas neste domingo (28).
Uma tentativa frustrada de dragagem foi realizada no sábado (27) por autoridades na esperança de alargar o trecho e desobstruí-lo, mas o navio Ever Given segue bloqueando uma das principais artérias marítimas do planeta e atrasando os embarques de mercadorias e commodities para o mundo.
Em uma coletiva de imprensa realizada no sábado, o tenente-general Osama Rabei, responsável pelo canal, disse a repórteres não ser possível estabelecer um prazo de quando o navio poderá ser desalojado, ressaltando a dificuldade da operação. Ele explicou que depois de retirar a areia da costa em que o Ever Given está encalhado e cavar para aumentar a profundidade do canal na área, a principal opção no momento seria arrastar o navio.
Ainda de acordo com Rabei, a outra opção é descarregar uma parte para aliviar o peso da embarcação, que possui 18.300 contêineres de mercadorias a bordo. Entretanto, o tenente-general acredita que a dragagem seja suficiente para libertá-lo.
Em pouco menos de uma semana após o Ever Given encalhar, um congestionamento marítimo cresceu para cerca de 321 navios perto de Port Said, no Mar Mediterrâneo. O navio ficou preso em um trecho de pista única do canal, cerca de seis quilômetros ao norte da entrada sul, perto da cidade de Suez.
O navio Ever Given, de bandeira do Panamá, que foi lançado em 2018, tem cerca de 400 metros de comprimento e 59 metros de largura e estava a caminho de Roterdã, na Holanda, de acordo com o site de rastreamento de navios da Marine Traffic.

Bilhões de dólares estão retidos devido à interrupção do tráfego no Suez

Com o bloqueio do tráfego no Canal de Suez, bilhões de dólares em mercadorias - calculados entre US$ 3 bilhões e US$ 9 bilhões por dia - também ficaram presos e as consequências econômicas exatas dependerão da duração da paralisia.
O bloqueio "não poderia vir em momento pior para o canal mais usado" do mundo, em meio à pandemia do coronavírus, comenta Jonathan Owens, especialista em logística da University of Salford Business School. "Dado o grande número de partes afetadas pela situação, direta e indiretamente, é impossível neste nível quantificar o valor das mercadorias em atraso", considera Daniel Harlid, analista da Moody's.
Comentários CORRIGIR TEXTO