Porto Alegre, quinta-feira, 17 de dezembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 17 de dezembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

União Europeia

- Publicada em 20h30min, 17/12/2020. Atualizada em 21h18min, 17/12/2020.

Parlamento define dia 20 de dezembro como prazo final para acordo pós-Brexit

Se não houver acordo, a relação comercial entre Londres e Bruxelas ficará baseada nas regras da OMC

Se não houver acordo, a relação comercial entre Londres e Bruxelas ficará baseada nas regras da OMC


PATRICK HERTZOG/AFP/JC
O Parlamento Europeu estabeleceu o dia 20 de dezembro como prazo máximo para que um acordo comercial pós-Brexit seja fechado entre a União Europeia (UE) e o Reino Unido e possa ser ratificado pelos legisladores antes do fim do processo de transição, em 31 de dezembro.
O Parlamento Europeu estabeleceu o dia 20 de dezembro como prazo máximo para que um acordo comercial pós-Brexit seja fechado entre a União Europeia (UE) e o Reino Unido e possa ser ratificado pelos legisladores antes do fim do processo de transição, em 31 de dezembro.
Em comunicado, os parlamentares dizem que estão prontos para organizar uma sessão plenária extraordinária no final do mês caso o entendimento entre Londres e Bruxelas seja alcançado até à meia-noite deste domingo (20), "para que o Parlamento Europeu debata o resultado das negociações e pondere a sua aprovação".
Os legisladores reforçam que a ratificação do acordo depende da "aplicação integral pelo governo do Reino Unido de todas as disposições do Acordo de Retirada, incluindo o Protocolo sobre a Irlanda/Irlanda do Norte".
Se não houver acordo, a relação comercial entre Londres e Bruxelas será baseada, a partir do dia 1º de janeiro, nas regras da Organização Mundial do Comércio (OMC).
Comentários CORRIGIR TEXTO