Porto Alegre, segunda-feira, 12 de outubro de 2020.
Dia da Criança. Feriado - Nossa Senhora Aparecida. Feriado nos EUA: Columbus Day.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
segunda-feira, 12 de outubro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Suécia

- Publicada em 16h13min, 12/10/2020.

Greta Thunberg expressa apoio a Biden em rara mensagem sobre política partidária

No Twitter, sueca de 17 anos afirmou que a próxima eleição nos EUA vai além de política partidária

No Twitter, sueca de 17 anos afirmou que a próxima eleição nos EUA vai além de política partidária


JONATHAN NACKSTRAND/AFP/JC
A ativista contra a mudança climática Greta Thunberg expressou apoio ao candidato democrata à presidência dos EUA, Joe Biden, pedindo aos eleitores preocupados com o meio ambiente que façam suas vozes serem ouvidas no pleito norte-americano. Em uma mensagem no Twitter, a sueca de 17 anos afirmou que ela nunca se envolve com política partidária, mas que "a próxima eleição nos EUA é acima e além de tudo isso".
A ativista contra a mudança climática Greta Thunberg expressou apoio ao candidato democrata à presidência dos EUA, Joe Biden, pedindo aos eleitores preocupados com o meio ambiente que façam suas vozes serem ouvidas no pleito norte-americano. Em uma mensagem no Twitter, a sueca de 17 anos afirmou que ela nunca se envolve com política partidária, mas que "a próxima eleição nos EUA é acima e além de tudo isso".
"De uma perspectiva climática, está muito distante de ser o bastante, e muitos de você apoiam outros candidatos. Mas, quer dizer... Sabe... Droga! Apenas se mobilizem e votem todos em Biden", escreveu ela.
Greta, que impulsionou um movimento global contra a mudança climática, pode encorajar a participação de jovens eleitores, em geral menos interessados no processo eleitoral do que norte-americanos mais velhos. O voto nos EUA não é obrigatório.
Após a sueca ser escolhida pela revista Time como a Pessoa do Ano de 2019, o presidente dos EUA, Donald Trump, atacou a ativista, afirmando que ela tinha de "trabalhar o gerenciamento de raiva" e então "ir a um cinema à moda antiga com um amigo".
O republicano também comentou com sarcasmo o discurso de Greta na conferência do clima da ONU, no ano passado, em que ela denunciou a falta de esforços de líderes globais para frear a mudança climática. "Como podem ousar?", questionou ela diversas vezes durante a fala.
Comentários CORRIGIR TEXTO