Porto Alegre, sábado, 03 de outubro de 2020.
Dia do Petróleo Brasileiro. Dia Mundial do Dentista.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sábado, 03 de outubro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Estados Unidos

- Publicada em 09h17min, 03/10/2020. Atualizada em 09h19min, 03/10/2020.

Trump tuíta de hospital após ser internado: 'Estou bem, eu acho'

Trump, que tem 74 anos, ficará no hospital Walter Reed, em Bethesda, Maryland, pelos próximos dias

Trump, que tem 74 anos, ficará no hospital Walter Reed, em Bethesda, Maryland, pelos próximos dias


MANDEL NGAN/AFP/JC
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, se manifestou pela primeira vez, após ser internado no hospital militar Walter Reed, na noite de sexta-feira (2), diagnosticado com a Covid-19. Pelo Twitter, o republicano publicou na madrugada deste sábado (3) a seguinte mensagem: "Estou bem, eu acho. Obrigado a todos!".
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, se manifestou pela primeira vez, após ser internado no hospital militar Walter Reed, na noite de sexta-feira (2), diagnosticado com a Covid-19. Pelo Twitter, o republicano publicou na madrugada deste sábado (3) a seguinte mensagem: "Estou bem, eu acho. Obrigado a todos!".
Antes de ser encaminhado ao hospital, que fica nos arredores de Washington, Trump já havia publicado um vídeo, na mesma rede social, dizendo que "achava que estava muito bem" e que a internação foi feita para garantir que "tudo dê certo".
Apesar de estar internado, Trump não passou o exercício do cargo para o vice-presidente Mike Pence. Em plena campanha eleitoral pela reeleição, o presidente americano vai despachar diretamente do hospital.
O seu adversário, o democrata Joe Biden, desejou melhoras a Trump e à primeira-dama Melania, que também testou positivo para o novo coronavírus. "Jill (mulher de Biden) e eu enviamos nossos votos para uma pronta recuperação ao presidente Trump e à primeira-dama Melania Trump. Vamos continuar rezando pela saúde e segurança do presidente e sua família", escreveu Biden no Twitter.
Comentários CORRIGIR TEXTO